categoria8 category image

Compras no Paraguai (Abril)

02 . maio . 2014

Desde que postei esta foto no Instagram com minhas comprinhas de Fevereiro muitas blogueiras/leitoras me pediram para mostrar os produtos aqui no blog, mas sabem como eu sou, atarefada que uh-la-lá!
No sábado (quase-feriado) fui novamente ao Paraguai para me aventurar em algumas comprinhas: presente, produtos de decoração, itens pessoais e outras coisinhas “lindas-de-morrer”. Agora sim trouxe para vocês um pouco das minhas experiências de Abril na cidade de Pedro Juan Caballero (Paraguai).

Mas antes de começarmos a falar sobre a melhor parte de todas (comprinhas!), vou apresentar de forma sucinta sobre Pedro Juan Caballero (obrigada Wikipédia!).

Pedro Juan Caballero é a capital do departamento de Amambay, no Paraguai. Possui uma população de 100 000 habitantes. Constitui uma conurbação com a cidade brasileira de Ponta Porã, no Mato Grosso do Sul. Seu nome homenageia um dos líderes da Independência Paraguaia, o capitão Pedro Juan Caballero.
A Avenida Internacional separa a cidade de Ponta Porã, no Brasil. É uma cidade turística de grande atividade comercial. Quatro línguas coexistem nestas duas cidades fronteiras: o castelhano, o guarani, o jopara e o português.

Fonte: Wikipédia

Desde que me conheço por gente, Pedro Juan é conhecida como um forte polo de turismo de compras. “Mas Jeh, são todos produtos falsificados?” Não!! Fiquem tranquilos que alguns lugares só vendem produtos originais (como o Shopping China e Studio Center. Mas, no geral, as barraquinhas e lojas localizadas no centro de Pedro Juan vendem, em sua maioria, produtos vindos diretamente da China. Sabe esses produtos fofos que encontramos em algumas lojinhas da Tanlup por exemplo? São fáceis de encontrarmos lá!
Portanto, é preciso ficar de olho! Os produtos “imitadores” são tão parecidos que qualquer um fica tentando a adquirir um desses produtos pela diferença radical de preços. Eu sempre compro produtos de marcas estrangeiras ou no Shopping China ou no Studio Center.

Outro ponto que deve ser salientado é que nem tudo é tão barato como o país ressoa. Às vezes os produtos podem custar mais caros que em outros países como E.U.A. Mas ao compararmos com o Brasil, muitos produtos compensam serem pagos.
Cotação do dólar: R$ 2,37.

Nesta primeira foto fiz um apanhado das minhas comprinhas em Pedro Juan. Aqui não dá pra distinguir o que comprei em um Shopping confiável ou em lojinhas menores dentro da cidade. Mas perceberam que alguns itens são vendidos em sites tipo Tanlup? Para mim, que mora a três horas de uma das fronteiras do país, compensa muito! Outro fato muito interessante que descobri na compra anterior é que algumas lojas no Brasil muito conhecidas pela originalidade revendem produtos de outra marca (Umbra, por exemplo). Muitos produtos da Umbra são acessórios de fotografia, acessórios pessoais, etc. E no Shopping China sempre procuro a prateleira dos produtos Umbra porque saem muito mais em conta que eu comprasse diretamente nessas lojas-criativas-do-Brasil.

Essa é a minha terceira compra de papel de tecido autocolante para decoração do meu quarto! Dessa vez apostei em uma cor mais cinza para colar à porta do meu quarto e combinar um pouquinho com as cores lá dentro! Esse não é o papel de parede que precisa de cola e todo aquele trabalho que precisamos empenhar, é um papel meio PVC mas adere facilmente à superfície do local desejado! No feriado do Carnaval aproveitei para colar em algumas partes da minha estante e, confesso, é necessário a ajuda de alguém para não criar aquelas “bolhinhas” irritantes! Meu serviço ficou igual minha cara mas à primeira vista está tudo lindo! Espero ter algum tempo para organizar meu quarto todo (inclusive a porta). Paguei R$ 20,00 em cada rolo de 10m no Gugu Presentes.

OBS: Lembram desse Carrossel que comprei em Fevereiro? Também foi no Gugu Presentes e paguei R$ 18,00. Amo esses Carrosséis! &#9829

E essas canetas fofas que encontrei também na loja Gugu? Ai gente, é muito amor! Já vi em várias lojas virtuais que vendem coisas-fofinhas e fiquei super feliz por ter encontrado esse kit escolares da Thank You. Cada kit contém seis canetas de três cores (amarelo, azul e rosa) e cada caneta vem a mensagem “A wise man never loses anything if he has himself.”
Cada kit custa R$ 2,00.

Sou aquele tipo de pessoa que ama objetos de decoração e, quando vi essas flores artificiais estilo cerejeiras (aquelas que me deixam sem ar de tão lindas, ainda mais tatuadas no corpo!) eu resolvi comprá-las para colocar nos piscas-piscas da minha janela! Não sei ainda o que fazer com todas elas, meu quarto está virando um circo de tanta coisa misturada, mas a ideia principal é essa!
Comprei dois kits de flores, então no total saiu por R$ 10,00.

Partindo para os Shoppings mais “sérios”, os valores não são de todo mais em conta (pelo menos o que eu encontro na Internet ou na minha cidade). É sempre importante pesquisar antes o valor do produto no seu país e entrar em contato com estes Shoppings via Facebook para pedir o orçamento do produto desejado. É claro que faço isso raramente porque, ao chegar no Shopping China por exemplo, eu sempre trago coisas que não estavam na minha wishlist. #mejulguemcomoconsumidora.

Finalmente estou com celular!!! Lembram que deixei um aviso sábado retrasado sobre o tempinho que ficaria ausente das redes sociais via celular? Eu nunca imaginei que minha vida era tão ligada à um celular, sério! Nos primeiros dias foram tranquilos porque eu estava muito cansada e precisava mesmo de um tempo longe do mundo virtual. Mas no quarto dia em diante eu estava pirando porque precisava conversar com as pessoas sobre o evento literário em Campo Grande, fazer pesquisas no dicionário que tenho instalado no celular, falar com minha mãe, marcar corte de cabelo mas… pluft! Não tinha como! Alguém também já se conscientizou que o celular já faz parte de você? Ai gente, não sei se fico triste ou feliz!
O caso é que finalmente fomos comprá-lo. O principal motivo de eu ter trocado um iPhone por outro é a memória disponível. Meu antigo iPhone 5 tinha 16GB e para muitas pessoas é o essencial. No meu caso, que baixo mais músicas e tiro fotos que qualquer outra foto, já estava no vermelho.
Sei que em breve sairá o mais novo iPhone modelo 6 mas por enquanto eu não ligo para novas características e blá-blá-blá. Gosto do iPhone em geral e eu só precisava de mais uns “gigazinhos” para me deixar feliz! *-*
Comprei meu celular no Studio Center por U$ 999,00 (R$ 2.367,63).
Sim, levaram meu coração junto.
Já a capinha linda-de-morrer do Snoopy (iLuv), comprei no Shopping China por U$ 25.00 (esse eu achei caro). Aproveite a onda de celulares e adquiri uma película para o celular e um cabo carregador universal (dica da Jocasta em um dos nossos papos sobre “por que a Apple mudou o formato da entrada do carregador?”). Tanto na película quanto no carregador universal paguei U$ 8.00 (R$ 18,96 cada).

Sabe quando você encontra uma das suas marcas favoritas de bolsa e quer levar todas da prateleira? Então, é assim que eu fico quando entro na sessão da Kipling! Gente, é tanta bolsa, carteira, estojos, mochilas e malas que, quando entro naquele paraíso sem dinheiro, eu choro por dentro. #vergonha
Dessa vez fui com o intuito de comprar uma carteira nova, já que a minha está mais arrebentada que minha cara. Encontrei esse modelinho bege lindo-de-morrer e é do tamanho exato que eu preciso (sou exagerada, sim). O modelo brownie é grande e espaçoso, ideal para o dia a dia. Possui divisórias amplas para dinheiro, moedas, cartões e fotos.

Aqui fica a legenda da foto agora

Conheçam o Cato! *-*

Aproveitando que eu estava na faca mesmo, achei essa bolsa linda e do tamanho que eu estava procurando (sabe quando você quer uma bolsa menor só pra carregar seu celular e sua carteira? Então, era isso que eu precisava)! No mesmo modelo da carteira, a bolsa Yelinda é um arraso! Adoro as bolsas da Kipling porque são bem resistente e ao mesmo tempo que são casuais, são chiques! O forro da bolsa é a coisa mais retrôzinha e eu amei de paixão! *-*

Bolsa: U$ 65.00 (R$ 154,00)/ Carteira: U$ 50.00 (R$ 118,50).

Lembra que eu falei lá no comecinho do post sobre a marca Umbra?? Então, é essa aí! Já comprei umas molduras em forma de polaroid por lá e me apaixonei! Dessa vez tive que dar uma espiada na sessão de decoração e me encantei com esse “varal” de fotos! Super foto para decorar, dando ideias atrás da caixa e não vejo a hora de usá-la para minhas polaroids da Instax Mini!
Valor: U$ 19.00 (R$ 45,00).

Ai gente, meu quarto vai virar uma zona! Tanta coisa pra tão pouco espaço! 😡

Alguém mais é viciado(a) em perfumes? Pois é, euzinha aqui sou louca por perfumes! Eu até permito que me chamem de feia, mal arrumada, magrela mas me chamar de fedida é um insulto à minha pessoa! -.-‘. Sempre compro perfumes no Shopping China por comparar os preços com os da minha cidade e serem um absurdo. Tento sempre aproveitar uma promoção bacana de perfumes (como aconteceu desta vez) e minha “coleção” só está aumentando para a minha alegria!

Em um próximo post compartilhei meus perfumes e quais recomendo para usar em cada horário do dia!

Uma das minhas marcas favoritas é Carolina Herrera! Depois de comprar 212 Sexy, 212 VIP e Carolina Herrera CH Feminino, me aventurei na promoção do Carolina Herrera L’Eau que estava por U$ 57,00 (R$ 135,00 – 50ml)

Também sou apaixonada pelos perfumes da Cacharel e resolvi comprar o “Classic” Amor Amor por $33,00 (R$ 78,30 – 30ml). Minha coleção “Amor Amor” está quase completa (falta o Forbidden Kiss e o Absolu)! *-* Além desta coleção, recomendo o Scarlett! Para as pessoas que gostam de ter aquele cheirinho “chique” e sempre presente, recomendo o Anaïs Anaïs (mas eu confesso que acho muito forte :x).

Depois de muitas semanas desgastantes, foi uma delícia ir ao Paraguai com tantas novidades para meu quarto e para mim mesma! Se alguém se interessou em ir ao Paraguai e quiser dicas de compras, pergunte pelos comentários ou pelo contato no blog que responderei com carinho!
Ah, você também já foi ao Paraguai fazer compras? Compartilhe conosco suas experiências e nos dê dicas de lojinhas fofas e produtos baratos! *-*
Beijos di moça!

categoria8 category image

Unboxing Nikon D7000

19 . abril . 2013

Oi moçada! Esse é mais um post especial sobre fotografia. Tá bom, eu sei que vocês já estão cansados de tantas fotos aqui no Di Moça, mas quero compartilhar com vocês minha nova compra super fantástica!
*-*
Esse não é um post especificamente “unboxing” porque, para isso, eu deveria gravar um vídeo mostrando realmente um … “unboxing”. Mas vocês não se importam se eu mostrar em fotos né? E também sei que vocês não se importam de as fotos terem sido tiradas pelo meu celular, né? Então tá, vamos ao assunto que me nos interessa!

Nikon D7000

Eu não sou fã de fotografia desde pequena. Eu sempre fugi de câmeras de todos os jeitos – tanto para fotografar quanto para ser fotografada. Não me acho fotogênica e sou meio desastrada, sempre tive medo de “estragar” as máquinas fotográficas das pessoas que me pediam sorridentemente “oi, com licença, será que você poderia tirar uma foto nossa?”. A vontade que me dava era de responder “não, não dá senhora.”
Em um determinado momento da minha vida aprendi, sem querer, a usar o tal “modo macro” na câmera digital que temos aqui em casa (e deixo uma nota aqui: owww manhêêê, tá na hora de trocar essa câmera, né? -.-‘). Achei o máximo galera! Capturei um gafanhoto super de pertinho, dava para ver todos os detalhes daquele bichinho feio e achei fantástico. Daqui a pouco estava fotografando as flores de pertinho, as plantas, a areia, o chão, a semente da maçã e por aí vai. Que sensação maravilhosa me deu naquela hora! Me senti uma Anna Leibovitz sem ao menos saber quem era a bendita.
A partir daí passei a fotografar tudo quanto é coisa, de todos os jeitos. Fui me interessando mais pela fotografia, li alguns artigos, alguns fóruns, entrei em comunidades e achei que estava na hora de ter minha primeira câmera semi-profissional. A partir daí a coisa mudou de sentido, e começou a fazer sentido. A Nikon D5000 foi minha companheira de alguns anos e, posso dizer com toda a convicção, que ela não me deixou na mão. Afinal de contas, o que aprendi durante esse tempo é que, mesmo com toda a tecnologia em cima das máquinas fotográficas, o que conta é o olhar de quem está por trás dela.
E, agora, senti que estava na hora de avançar, progredir se fosse possível. Aconteceu, consegui vender a minha amiga D5000 (obrigada pela ajuda Lu!) e o Di Moça contará com uma nova amiga! Torço para me adaptar à ela (ou ela se adaptar à mim, o que é mais provável :x) e tenhamos ótimos momentos registrados no blog! Confira um pouquinho minhas primeiras impressões sobre ela!

Compramos a câmera (compramos lê-se eu, minha mãe e meu pai) no Shopping China (Paraguai – que por sinal fica pertinho daqui e facilita a compra de produtos importados com um preço mais baixo, viva!) como kit. Já que eu tinha vendido a D5000 com a lente, carregador e bateria, não tinha sentido comprar apenas o corpo da máquina. Sendo assim, o preço foi mais alto, mas menor que do Brasil.
A primeira coisa que me assustou quando eu a peguei foi, claro, o peso. A lente de 18-105 mm ajuda a acrescentar peso mas o corpo da D7000 é um pouco mais pesada que a D5000. Outro ponto que me deixou um pouco assustada foi a quantidade de botões nela! Muitos botões que dessa vez eu terei que ler o manual de qualquer maneira!
Achei muito legal o visor na parte de cima, dando informações sobre a foto (ISO, medição de bateria, foco, etc).

Essa capinha protetora do visor veio a calhar muito bem. Gente, preciso admitir que tenho sérios problemas para regular fotografia nesse visor minúsculo da câmera (visor ótico). Meu Deus, fico vesga! O meu negócio é nesse monitor maior e a capinha vai proteger a tela da câmera contra dedos sujos de crianças e adultos! *-*
Senti falta da tela “rotacional” que tinha na D5000. Como a maioria das minhas fotos sou eu quem tira, aproveitava essa vantagem do movimento de tela para me enxergar e fazer a devida configuração. Agora, provavelmente, apanharei mais para tirar minhas próprias fotos ou vocês não me verão mais nas fotos.
Viram o punhado de botões na parte traseira da câmera? Ai, misericórdia!

Um ponto que chamou minha atenção especificamente para este modelo da Nikon foi a possibilidade de gravar vídeos por vários minutos e utilizar microfone externo, caso eu precise de um áudio melhor. Ou seja, a partir da semana que vem teremos vídeos no Di Moça! É isso mesmo, quem gosta de vídeos bata palma, quem não gosta….
Quando comprei minha D5000 aproveitei o momento “Becky Bloom” e comprei um tripé também. Espero ver ótimas vantagens na escolha da D7000.

Nesta foto a lente é de 50 mm com f/1.8 G. Essa lente não veio no kit mas eu adoro! Ótima para desfocar fundo de fotografias e amo fazer isso. Ainda preciso aprender a mexer nela, mas as fotos que tirei até agora me encantaram em relação a essa função. Não testei na D7000 mas fiquei aliviada quando vi que ela era compatível neste modelo.
Ah claro, falando em lente me lembrei de focagem e, falando em foco, me lembrei que o corpo da D7000 tem autofoco.

Fora isso, o kit não vem com muitas coisas diferentes da D5000. Mas acreditem se quiser, meu manual de instruções não veio na caixa. Não sei se meu pai deixou por lá, esqueceu no carro ou outro acontecimento qualquer. Ainda bem que dá pra baixar manual de câmeras pela internet.
O CD-ROM e a alça “modelo-registrado” da Nikon. A alça é ajustável, um pouco chamativa com esse amarelo berrando nos olhos, mas é o modelo padrão da Nikon (até onde eu sei). Não fucei no CD-ROM ainda, então não há muito o que falar, né?

Em relação ao carregador de bateria, achei interessante esse pequeno plugin na foto, estão vendo? Ele pode ser conectado diretamente ao carregador e você encaixa direto na tomada. Ou então conecta o fio no carregador – se a tomada estiver mais longe de você e o fio seja necessário. Muito legal, né? O carregador é meio grandinho, achei exagerado mas tudo bem, pequeno detalhe.

Estes são os cabos de TV e USB, creio que são necessários e vêm em todos os modelos de câmera (pelo menos o USB).

Bom, por enquanto é isso que tenho para compartilhar com vocês. Aproveitarei este final de semana para ler o manual (que tive que baixar pela internet) e conhecer melhor a minha nova companheira-colecionadora-de-sonhos!

Para os preguiçosos de plantão, o canal Zona da Fotografia oferece várias aulas e dicas de fotografia, inclusive o Unboxing e o Review da D700!
Em breve farei um post sobre esse canal tão abençoado para os leigos de plantão como eu!

Espero que vocês tenham gostado! Se alguém tiver uma dessa e quiser compartilhar experiências, dicas, sites interessantes que possam nos ajudar, fique à vontade nos comentários!
Um ótimo final de semana para todos vocês! Beijos di moça!

@blogdimoca no Instagram!

:: Di Moça :: Colecionando sonhos! - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2015 - Design por Jeh Asato