categoria2 category image

Métrica :: Colleen Hoover

04 . dezembro . 2013

Métrica foi lançado este ano pela Galera Record e tive a oportunidade de me apaixonar por um New Adult. Não foi amor às primeiras páginas, mas Colleen Hoover me cativou com o primeiro livro da trilogia Slammed. Quem já leu, sabe do que estou falando. Quem não leu, bom, não perca tempo: este livro vai te fascinar!

Métrica #1 (Slammed #1)
Autora: Colleen Hoover
Páginas: 304
Editora: Galera Record

* Livro enviado pela editora como cortesia.

Sinopse:

O romance de estreia de Colleen Hoover, autora que viria a figurar na lista de best sellers do New York Times, apresenta uma família devastada por uma morte repentina. Após a perda inesperada do pai, Layken, de 18 anos, é obrigada a ser o suporte tanto da mãe quanto do irmão mais novo. Por fora, ela parece resiliente e tenaz; por dentro, entretanto, está perdendo as esperanças. Um rapaz transforma tudo isso: o vizinho de 21 anos, que se identifica com a realidade de Layken e parece entendê-la como ninguém. A atração entre os dois é inevitável, mas talvez o destino não esteja pronto para aceitar esse amor.

Créditos: Skoob

“Não dá para fugir para outra cidade, outro lugar, outro estado. A coisa de que a pessoa está fugindo, seja ela qual for, vai junto com ela. E fica com ela até a pessoa descobrir uma maneira de confrontá-la.”

Layken Cohen (18 anos) perdeu seu pai há seis meses, tempo suficiente para que seu irmão Kel Cohen (9 anos) não chorasse mais toda vez que falavam dele. Mas ainda é pouco tempo para aceitarem as consequências financeiras de se passar a ter um lar com apenas um chefe de família, Julia Cohen. Com uma oferta melhor, a família Cohen deve se mudar do Texas (a cidade em que Lake cresceu) para Ypsilanti (a cidade em que sua mãe cresceu). Na verdade, o emprego pagaria mais do que qualquer coisa que ela encontraria no Texas, então, teve de aceitar. Era inevitável que mudassem de casa, mas Lake imaginava que só aconteceria depois que terminasse o último ano do colégio.

“Se existe um homem capaz de me fazer parar de pensar em Will, ele com certeza é Johnny Depp.”

Diante de um cenário totalmente diferente, a família Cohen é recebida de forma inesperada por dois jovens amistosos. Caulder Cooper é um garoto muito amigável e, antes mesmo do caminhão de mudanças parar em frente à casa dos Cohen, o garoto já está brincando com Kel. Preocupado com seu irmão mais novo, Will Cohen (21 anos. “Gato” seria como as garotas o definiriam) toma a iniciativa de se apresentar aos novos vizinhos. A partir de então, nasce uma amizade super agradável entre os personagens.
Will, vizinho e amigo de Lake, facilita o processo de adaptação de Layken em seu novo lar. Afinal de contas, tudo é muito diferente. As músicas são diferentes; as pessoas são diferentes e a escola será diferente. Até as roupas de Michigan são diferentes. Will apresenta o estilo slam: poesia e performance no palco. O ClubN9NE apresenta competições de slam todo semestre e Layken se apaixona por essa nova visão de poesia. A poesia é tão diversificada e energizante quanto a plateia. Lake nunca tinha rido e nem chorado tanto. A maneira como os poetas são capazes de ler a pessoa para dentro de um mundo completamente novo, fazendo-a enxergar as coisas de um ponto de vista totalmente original. Fazendo a pessoa se sentir como uma mãe que perdeu o bebê ou um garoto que matou o pai, ou até mesmo um homem que ficou chapado pela primeira vez na vida e comeu cinco pratos de bacon. A ligação com esses poetas e suas histórias é quase imediata. E ainda mais: a ligação fica mais profunda com Will.

“Porque tudo isso, toda ínfima parte, tudo é passageiro. Nada é permanente. A única coisa que todos temos em comum é o inevitável: todos morreremos um dia.”

As aulas começam e Lake está disposta a se envolver com todos os tipos de atividades oferecidas pela escola. De primeira, conhece uma garota muito bacana chamada Eddie (Eddie Spaghetti). Porém, uma surpresa, talvez cruel, está prestes a mudar (de novo) a vida de Layken. Como é que ela passou a noite inteira com Will e não descobriu que era professor? Como é possível algo tão importante como o trabalho da pessoa não ter sido mencionado?
Depois desta descoberta, a vida de Layken abrirá vários leques cheios de surpresas (boas e ruins) para sua nova etapa de vida. Como lidar com tantos sentimentos, tantas verdades e mentiras; como lidar com a intensidade e as reações de cada fato, cada passado e cada futuro?

“- E daí? E daí que a dor sobre a qual você escreveu ano passado não é o que você está sentindo hoje? Pode ser exatamente o que a pessoa na primeira fila está sentindo. O que você está sentindo agora, e a pessoa a quem suas palavras talvez afetem daqui a cinco anos – é por isso que se escreve poesia.”

Sabe aquele tipo de livro que, ao chegar na metade da história, você acha que já desvendou todo o clímax da mesma? Então, até certo ponto do livro eu estava nessa “vibe”. Assim que a autora nos revelou a identidade dos personagens como aluna e professor, imaginei que a história seria enrolada ao redor desse lenga-lenga. Mas, obrigada Colleen Hoover, você me deu uma rasteira e superou todas as minhas expectativas. Acreditem, a história vai além de um “caso de amor proibido”.
Narrado em primeira pessoa por Layken, temos uma protagonista amarga e contrariada com as mudanças que surgiram após a morte de seu pai. Não chega a ser revoltada, mas suas palavras chegam ao nossos olhos com acidez e ironia. Sendo assim, fique tranquilo porque você não vai lidar com uma adolescente dramática e sofredora. Ponto positivo.
Outra característica que me conquistou foi o vocabulário moldado de forma quase poética pela autora. Além de nos apresentar o slam. Acredite se quiser mas eu não conhecia essa forma de poesia. É uma competição em que poetas leem ou recitam um trabalho original e são julgados pelas atuações. Eu amei entrar nesse mundo diferente, encontrar poemas durante a leitura e me encontrar em alguns deles. Foi, simplesmente, incrível.
Mas o ponto mais alto do livro, na minha opinião, é o que vem depois. Depois que Lake e Will se encontram no colégio; depois desse suposto amor proibido. A partir daí, muitos fatos são revelados para o leitor e não são realçados pelo relacionamento dos dois mas o relacionamento de cada um com sua própria família. O passado dos Cooper, o futuro dos Cohen. Esses momentos narrados no livro foram o maior destaque para mim. Por isso, sem sombra de dúvidas, é um dos melhores livros que li em 2013!
OBS: Não se assuste com os trechos de música da banda The Avett Brothers no começo de cada capítulo. A autora é simplesmente apaixonada por essa banda! Se ela tivesse uma trilha sonora, seria “Paranoia in B Flat Major”.

“- Todo mundo imagina que vai ter pelo menos mais um dia de vida.”

Talvez, para você que já leu Métrica, o ponto alto do livro seja o amor proibido entre professor e aluna. Talvez seja as mudanças na vida de Lake ou quem sabe não tenha te impressionado. Mas para mim, não houve impacto maior que as verdades do passado de Will, o futuro da senhora Julia e a as poesias apresentadas por Will e Lake durante as competições de slam.
Livro mais que recomendado para quem gosta do gênero New Adult e está pronto para se emocionar com a vida.

O segundo livro da trilogia, Pausa, foi lançado em Novembro pela Galera Record e estou ansiosíssima para saber se Colleen Hoover me surpreenderá com mais intensidade do que já foi capaz.

Livro: Pausa (Slammed #2)

Destinados um ao outro, Layken e Will superaram os obstáculos que ameaçavam seu amor. Mas estão prestes a aprender, no entanto, que aquilo que os uniu pode se transformar, justamente, na razão de sua separação. O amor pode não ser o bastante. Depois de testado por tragédias, proibições e desencontros, o relacionamento de Layken e Will enfrenta novos desafios. Talvez a poesida desse casal acabe num verão solitário… Sem direito a rimas ou ritmo. A ex-namorada de Will retorna arrependida de ter deixado o rapaz. E está disposta a tudo para reconquistá-lo. Insegura, Layken começa a ler novas reações no comportamento do rapaz. E na insistência para adiar a “primeira vez” de ambos. Presos em uma ironia cruel do destino, eles precisam descobrir se o que sentem é verdadeiro ou fruto da extraordinária situação que os uniu. Será que é amor? Ou apenas compaixão? Layken passa a questionar a base de seu relacionamento com Will. E ele precisa provar seu amor para uma garota que parece não conseguir parar de “esculpir abóboras”. Mas quando tudo parece resolvido, o casal se depara com um desafio ainda maior – e que talvez mude não só suas vidas, mas também as vidas de todos que dependem deles.

Espero que tenham gostado e compartilhem conosco suas opiniões sobre o livro! Quem já leu Pausa? É tão bom quanto Métrica ou melhor?
Beijos di moça!

Colleen Hoover

Colleen Hoover mora no Texas com seu marido e três filhos. É autora de cinco romances best-sellers pelo New York Times. Sua primeira série foi publicada em 2012 e inclui Slammed, Point Of Retreat e This Girl. Adora a banda The Avett Brothers e a leitura sempre foi sua fuga da realidade.


Site da autora Editora Galera Record


• Hey! Deixe um comentário aqui •

• Temos 29 comentários nesta postagem" •

Laís Fernandes, disse: - 04-12-2013 (08:56)

Que resenha mais amor <3
Li a trilogia completa em três dias (sim, eu sou maluca) e Slammed se tornou um dos meus livros favoritos (e de quebra ganhei os Avett Bros. de presente – achado musical da vida). É tão bom saber que eu não sou a única a morrer de amores pela estória. Tenho certeza que você amará as continuações.

Ps.: As fotos ficaram lindas :)


Raquel Moritz, disse: - 04-12-2013 (09:10)

Oi querida!

Que bom, finalmente uma resenha bacana sobre o livro. Gostei de saber que a autora superou suas expectativas, mas vou te contar que os trechos das músicas me chamou a atenção. ? Queria que mais autores fizessem isso.

Beijo!

Raquel
http://www.pipocamusical.com.br


Thaynan Lira Galhardo, disse: - 04-12-2013 (10:02)

Uau! Amei a resenha. Já estava louca pra ler esse livro, agora quero mais ainda. Eu não conhecia essa banda, e amei o som deles.

Bjuuss


Daniela, disse: - 04-12-2013 (10:03)

Comprei “Métrica” no Black Friday e estou em cólicas para que ele chegue logo em minha casa *.* Infelizmente “Pausa” já estava esgotado e mais uma vez cairei na sina dos livros em série que me matam de ansiedade ¬¬
Confesso que de primeira essa trilogia não me chamou tanto a atenção, mas depois de ler uma resenha SUPER empolgada, decidi dar uma chance (e olha que eu li várias resenhas negativas), mas sei lá, estou em uma onda de New Adult tão grande que simplesmente quero/preciso/necessito de mais livros neste estilo *.*

Adorei a resenha, mais ainda suas fotos!
Você podia fazer um projeto 6 on 6 em Jeh? Fica a dica!
Beijos!

Dani


Bruna, disse: - 04-12-2013 (10:52)

Jé, puro amor esse livro, sério, me conquistou e olha que eu sou bem chata para gostar de livro previsível hahaha

Adorei as fotos!

Beijoooos


Barbara Sá, disse: - 04-12-2013 (12:27)

Tenho os livros aqui, mas como a Nathy leu eu nem dei bola. Mas irei me jogar nele nessas férias. É um tipo de leitura que eu curto e estou vendo todo mundo falar bem. Adorei :)

Beijos, Jeh!
http://www.segredosentreamigas.com.br/


Evellyn, disse: - 04-12-2013 (12:51)

Oi Jeh!
Sabe que eu ja li algumas resenhas sobre metrica, mas sempre penso que não parece o tipo de livro que me agradaria… mas a sua resenha me trouxe outras perspectivas e como todo mundo so fala bem, vou tentar não adiar mt minha leitura!
E como assim o Will é professor? (:O) Sempre achei q eles tinham a mesma idade (acho que nunca me liguei nisso em outra resenha!)…
Acho que pouca gente daqui conhecia slam antes desse livro!
E eu reparei qnd meu livro chegou que tem Avett B em todo canto… isso que é fã! Vou ouvir pra ver se curto ^^

bjsss


Evellyn, disse: - 04-12-2013 (12:55)

Oi Jeh!

Sabe que eu ja li algumas resenhas sobre metrica, mas sempre penso que não parece o tipo de livro que me agradaria… mas a sua resenha me trouxe outras perspectivas e como todo mundo so fala bem, vou tentar não adiar mt minha leitura!
E como assim o Will é professor? (:O) Sempre achei q eles tinham a mesma idade (acho que nunca me liguei nisso em outra resenha!)…
Acho que pouca gente daqui conhecia slam antes desse livro!
E eu reparei qnd meu livro chegou que tem Avett B em todo canto… isso que é fã! Vou ouvir pra ver se curto ^^
Mas precisava ser trilogia?? rs

bjsss


Vanessa, disse: - 04-12-2013 (14:39)

Parabéns pela resenha Jeh! Ganhei Métrica em uma promoção e estou ansiosa para ler! Beijo!

http://www.newsnessa.com


Tacila Porto, disse: - 04-12-2013 (20:01)

Oi Jeh, eu li Métrica semana passada. E eu simplesmente amei! É difícil dizer o que mais me conquistou. Agora, o que me chamou a atenção foram as poesias. Eu não sou fã, mas nesse livro, as poesias eram tão lindas e tocantes, que comecei a pesquisar sobre outros livros de poesia. E quero muito ler Pausa.
Beijinhos :3


Nanda, disse: - 05-12-2013 (09:15)

Ei Jeh

Desculpe o sumiço dos comentários, estou de férias e tenho ficado pouco na net. :)
Ah eu preciso ler este livro logo, ainda não tive tempo e está em casa esperando. Agora fiquei louca para ler, vou tentar passar na frente de alguns hehe.
bjs


Mari, disse: - 05-12-2013 (14:47)

Parece ser ótimo! 😀

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

É muito bom, Mari! Se tiver a oportunidade de lê-lo, não perca!
;*




Ane Reis, disse: - 05-12-2013 (21:34)

Oie Jeh =)

Que resenha mais linda *-*

Infelizmente ao contrário de vc, eu não me encantei tanto assim com Métrica. Achei um livro bom, mas em alguns momentos eu achei que a autora forçou um pouco a barra rs…
Também não me simpatizei muito com o protagonistas =(

Pretendo ler Pause, mas sem muitas expectativas para não me decepcionar como me decepcionei com Métrica.

Beijos;***

Ane Reis.
mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias…
@mydearlibrary


Ligia Paulino, disse: - 06-12-2013 (09:59)

Jehhhhhh!!!! Que linda a sua resenha ^^

Esse livro também me deu uma rasteira daquelas, um livro realmente maravilhoso. E o que me cativou não foi o romance proibido também, mas sim as histórias de cada um e o que descobrimos sobre o futuro deles. Já li Pausa e você vai amar também, cara estou ansiosa que lancem o terceiro livro logo rsrs

Beijão!


Hangover at 16, disse: - 06-12-2013 (12:06)

Sinceramente, eu nunca tinha me interessado por esse livro. Ou, na verdade, só não me interessei em ler a fundo uma resenha sobre ele. E, agora, parando pra finalmente ler, eu percebi a leitura maravilhosa que tava perdendo. Adorei a sua resenha, conseguiu me despertar uma vontade muito grande de ler esse livro! Gostei bastante de como parece ser o decorrer da história, e talvez esse seja o ponto principal.. ~Ter uma história de verdade por trás, e não só aquilo de sexo o tempo inteiro, como é a maioria dos livros new adult.

xx Carol
http://hangoverat16.blogspot.com.br/


Mar Paschoal, disse: - 06-12-2013 (17:25)

Ooi Jeh, é lindo não é?
Sou apaixonada por este livro até hoje. Mas eu chorei tanto com a leitura… Mas tanto… rs
Bjokcas. Mar
http://www.Imaginayre.com.br

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

Você já leu o segundo, Mar??
Beijos!




Gislei, disse: - 06-12-2013 (18:36)

Achei o enredo intrigante.

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

😀




Lindsay Leão, disse: - 06-12-2013 (20:14)

“Métrica” é muito amor né Jeh?
Adorei a maneira como a autora nos conduz e apresenta elementos novos, como a competição de slam (que eu particularmente não conhecia).
Colleen Hoover me conquistou, já espero ansiosamente pela continuação.
Beijos

P.S: resenha linda demais!

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

Nossa, muito! No começo achei que seria aquele papo barato de amor entre professor e aluno mas, depois, uaaau, me apaixonei!!!
Beijos!




Babi Lorentz, disse: - 07-12-2013 (18:14)

Jeh, estou louca para ler Métrica. Tenho o livro desde que foi lançado, mas infelizmente, com os vários relatórios para preparar e entregar, tanto na faculdade quanto no trabalho, acabei me atrapalhando toda com isso. Mas em Dezembro pretendo fazer este quadro mudar. Métrica já está na lista de leituras.
Beijos!

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

Aaahh Nanda, sério mesmo?? Poxa, ainda bem que dezembro já chegou e logo você termina o ano. Espero que consiga ler os dois logo, porque ficar esperando o próximo livro sempre me deixa ansiosa, hehehe.

Beijos!!




May, disse: - 08-12-2013 (11:15)

Oi Jeeh!

Adorei esse livro, e mal posso esperar para ler Pausa! *-*
Beijinhos,
May :*

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

Oi May!
Que saudades, final de ano a gente fica longe das redes sociais e do blog né? =(
Eu queria muito ler Pausa ainda este ano mas acho que não dou conta, rs. Já vi alguns comentários e espero ter minha própria opinião sobre o livro! \o/
Beijos!




Tais, disse: - 08-12-2013 (17:30)

Eu também amei esse livro Jeh *.*
Fiquei completamente apaixonada pela história e por tudo.
Terminei de ler essa semana Pausa e também gostei bastante apesar de não ter gostado tanto quanto o primeiro.
Agora estou a espera do último..rsrs

bjs
Tais
http://www.leitorafashion.com.br

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

Aaah flor, acabei de ver o seu vídeo e alguns comentários também afirmam que o segundo livro não é tão bom como o primeiro… Poxa, mesmo assim quero dar continuidade, quem sabe o terceiro venha arrebentando né?
*-*
Beijos!




Amanda Faustino, disse: - 10-12-2013 (22:17)

Eu necessito desse livro. Todas as resenhas que leio falam tão bem… A capa é simples, mas eu acho ela tão bonita.

Beijos, Mands – Outbreaks.


@blogdimoca no Instagram!

:: Di Moça :: Colecionando sonhos! - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2015 - Design por Jeh Asato