categoria2 category image

Sábado À Noite :: Babi Dewet

08 . outubro . 2012

Nem acredito que finalmente tive a oportunidade de ler o livro da querida escritora-blogueira Babi Dewet. Na Bienal do Livro, no Rio de Janeiro (2011), conheci esta menina-mulher cheia de energia e carisma mas faltou conhecer o seu livro – que na época, era independente. Todos sabiam desde o princípio que Sábado À Noite surgiu de uma fanfic (do mesmo nome) pela autora e a curiosidade só aumentava. Este ano, já de cara nova e com editora (Évora/Generale), Babi chegou até a minha casa! E a surpresa foi bem agradável!

Sábado À Noite!
Autora: Babi Dewet
Páginas: 334
Editora: Generale

* Livro enviado pela editora como cortesia.
Sinopse:

Essa é a nova edição de SAN, que foi lançado de forma independente em 2010, e hoje chega às livrarias pelo Selo Generale (Editora Évora). É o primeiro livro de uma trilogia repleta de amor, música e amizade. Amanda é popular na escola e os amigos do seu amigo de infância são considerados os ‘marotos’ do pedaço por desrespeitarem as regras. Tudo ao seu redor acaba desmoronando quando um amor mal resolvido volta à tona e a sua amizade é posta em prova. Se não bastasse, seu diretor resolve dar bailes aos sábados e uma misteriosa banda mascarada foi convocada pra tocar. Mas suas letras dizem tanto sobre ela… Afinal, quem são esses mascarados de Sábado à Noite?

Crédito: Skoob

Antes de darmos início à jornada, é importante que vocês entendam o que é uma fanfic, afinal de contas foi daí que surgiu o livro da Babi! ;)

Fanfic é a abreviação do termo em inglês fan fiction, ou seja, “ficção criada por fãs”, mas que também pode ser chamada do Fic. Trata-se de contos ou romances escritos por terceiros, não fazendo parte do enredo oficial dos animes, séries, mangás,livros, filmes ou história em quadrinhos a que faz referência,ou uma história inventada por eles.

Créditos: Wikipédia

Em Alta Granada conheceremos um grupo de adolescentes bem distintos: as meninas populares e os marotos. Na escola, as meninas atraem olhares de todos, são exemplos para outras alunas e arrasam no visual. Os marotos são os maliciosos, os espertalhões e brincalhões do colégio, ou seja, ninguém os leva a sério. E a autora nos apresenta a esses personagens mais ou menos assim:

Amanda é melhor amiga de Bruno, apesar de cada um fazer parte de um grupo diferente e não andarem juntos no colégio – por questão de ética social. Bruno faz parte do grupo dos marotos com Daniel Marques, Caio Andrade e Rafael Martins. Em contrapartida, Amanda arrasa com as amigas populares, Carolina Moraes, Anna Beatriz, Guiga e Maya McFusty. Cada um destes personagens tem características particulares e complementadoras, formando dois grupo bem chamativos.

Certo dia, o diretor da escola lança a ideia dos Bales de Sábado À Noite no ginásio do colégio, no qual todo o sábado os alunos poderiam se reunir com música e comes e bebes. Frederico Bourne – mais conhecido como Fred – é o amigo dos garotos do terceiro ano e dá aquele empurrão para os marotos participarem dos bailes, afinal de contas nem o diretor confia nestes meninos para qualquer atividade sem uma bagunça. Como participar do baile sem serem notados? É aí que surge a banda Scotty – a banda dos meninos mascarados.

O primeiro baile foi aquele alvoroço! Quatro garotos no palco, com máscaras e seus instrumentos, tocando músicas que falavam ao coração das meninas. Um cover dos Beatles, algumas músicas originais. Quem eram? Será que vieram de outra escola? O baile se torna assunto durante a semana toda!

Os dias vão e as cenas se desenrolam tranquilamente dentro do cenário da vida dos adolescentes, quando a professora de Educação Artística propõe um trabalho para alunos do segundo ano. As duas turmas se unirão em duplas e cada uma terá que compôr uma música. A professora faz o sorteio e as duplas são escolhidas. Claro, nada é perfeito e as meninas populares irão se misturar com os marotos detestáveis.
Mas não paremos por aí. Quando imaginamos que a história se desenvolverá nessa mansidão, aparecem os mauricinhos do terceiro ano (Albert, João Pedro, Michel e Roberto), os jogadores de basquete da escola. E também os meninos charmosos que não tinham sido notados antes (Nick, Aaron, Kevin, Brian e Ant).

E por trás deste “estereótipo” e preconceito social dos dois grupos, existe um passado que os une. Um amor não revelado; um sentimento escondido; uma briga não esclarecida; a renúncia pela amizade. Agora esses garotos precisam aprender que na adolescência nem tudo continua sob máscaras, ainda mais se tratando de amor e amizade.

“Sentimentos eram coisas tão incoerentes quando queriam ser.”

Babi Dewet criou um palco bem propício para relembrarmos a nossa adolescência, pensarmos sobre amor e a amizade, afinal de contas, quem nunca fez uma tempestade no copo d’água quando se trata de relacionamentos? E quem nunca carregou consigo amigos e/ou amores por tanto tempo dentro do coração? Amizades que nasceram na escola, o primeiro amor e o primeiro beijo? Muitos momentos importantes e significativos em nossa vida aconteceram nesse período! *-*

“- (…) Pare de achar o mundo complicado e encare de vez tudo isso.”

Preciso confessar que tive dificuldades em associar os personagens durante a leitura. Não consegui vislumbrar alguns personagens e outras vezes eles se embaralhavam na minha memória (pera aí, esse não era o fulano?). Às vezes a Babi se referia ao personagem pelo nome, outras pelo sobrenome e nessas horas eu tinha que recorrer ao meu caderninho de anotações para saber quem era quem.
Babi também aplica termos e expressões no inglês, como nop, yeap, outch, boytoy, etc. Vale lembrar que SAN é uma fanfic baseada na banda preferida da Babi, McFly. E está aí algumas coincidências, como o apelido de Daniel ser Danny (integrante da banda McFly Danny Jones).
Também associamos alguns nomes de personagens com boybands. Impossível não se lembrar da banda Backstreet Boys quando a autora apresenta os personagens Nick e Kevin.
Gostei do final do livro, a Babi finalizou com um misto de expectativa e nostalgia, cooperando para que desejemos a continuação do livro!

São 45 capítulos de diversão, drama, romance, festa, mistério, “marotices” e intrigas! Piadas bem construídas e personagens descobrindo a si mesmos através das divergências, diferenças e até semelhanças!

“Eu não sei como te dizer isso, mas todo sábado à noite é meu motivo para te ver. (…) Espero que possamos nos perdoar com o tempo. Tenho que ir. Se cuida e… olhe à sua volta. Olhe pra nós dois. Podemos ser muito mais do que as pessoas acham que somos, não é? Eu amo quem você é.”

SAN Booktrailer

Será que podemos contar com a continuação de SAN?? Torço para que sim! Babi Dewet sabe manejar as palavras no papel! Leia e se encontre nos bailes de Sábado À Noite!
Um beijo e até o próximo post!

Babi Dewet

Babi Dewet tem 26 anos, mora no Rio de Janeiro, é autora do livro Sábado à Noite, blogueira, formada em Cinema, professora, Galaxy Defender, Jedi, Sonserina, fã de Kpop, empresária neurótica, amante de séries de TV coreanas e filmes bobos americanos.


Site da autora | Site da Generale


• Hey! Deixe um comentário aqui •

• Temos 29 comentários nesta postagem" •

Maryzlane Sarah, disse: - 08-10-2012 (19:16)

*———————————-* Quero que o meu chegue loogo, estou louca pra ler o livro, eu tenho paixão pela fanfic e a Babi é a pessoa mais fofa do mundo, ela e o Bricio são tipo a melhor dupla de dois hahahha


Jacqueline Braga, disse: - 08-10-2012 (19:17)

Oie Jeh
que lindo que tá seu blog, vc consegue colocar um layout mais lindo que o outro!!!!
Eu sempre fui louca para ler esse livro. Adoro livros que nos fazem relembrar a adolescência, apesar da minha ter sido super tranquila, sem beber, e sem beijar na boca…hsuahsuhauhsuhaus
Adorei saber que tem dois personagens chamados Nick e Kevin, meu sonho era colocar esse nome nos meus dois filhos rs eu já tenho um garotinho chamado Bryan rs
bjs


Poly, disse: - 08-10-2012 (20:52)

Parece bem legal a história. Pelo menos pela sinopse e sua resenha *_*
Adorei! Ficou ótima.
Bjuxxxxxx


Lucas Maia, disse: - 09-10-2012 (09:53)

Oi Jeh,
não conhecia esse livro e nem a autora (blogueira) e quando vi a capa, antes de ler, já me lembrei dos mangás e animes mesmo. A história me parece ser boa e com mistério que gosto bastante em livros.

Beijos


Quequel, disse: - 09-10-2012 (11:34)

Que legal Amiga !!!
Lembram os BSB é ?
Mas eu gostava e gosto mais do Brian.. kkk
Bjins e até!


Carolina, disse: - 09-10-2012 (12:08)

Pára, não posta esse ultimo quote que eu já fico com vontade de chorar, faz isso comigo não D:
SAN foi a minha primeira fic, lá em 2007 quando eu entrei nesse mundinho. Vou sempre lembrar da minha noite lendo enquanto a minha irmça dormia e eu tinha que correr para o banheiro para chorar loucamente. Sério, foi uma noite intensa e SAN continua sendo uma das minhas fics favoritas. Tenho até as cenas que mais gosto salvas no Word e releio de vez em quando.
Acho que por ser uma fanfic tão importante pra mim, nunca consegui ler o livro, e nem darei uma chance para ser honesta. Ler com esses personagens acabaria com toda a magia que a estória possui pra mim.
Enfim, já declarei meu amor aqui, chega, né? haha

Adorei a resenha. Vou ali no cantinho relembrar a fic e ficar nostálgica. haha

Beeeijo


Lidiane Andrade, disse: - 09-10-2012 (16:27)

Perguntei a Babi e ela própria me disse que vai ter continuação sim, já que não explicou muito os fatos sobre as amigas dela não é mesmo?

Eu adorei o livro, e realmente tem palavras em inglês que eu acho que poderiam ter a tradução lá no fim da página. haha.


Aione Simões, disse: - 09-10-2012 (16:43)

Oi flor!
Há muito que ouço falar de SAN e, embora soubesse ser um fanfic, não sabia sobre quem era. Gostei de ver que foi baseada no McFly, gosto deles! E impossível mesmo não pensar em BSB com *suspiros* Nick e Kevin :)
Parece ser uma leitura leve, gostosa e divertida!
Parabéns pra autora!
Beijão, querida!


Babi Dewet, disse: - 09-10-2012 (17:06)

Obrigada pela resenha e pelas críticas, flor! É sempre muito importante pra mim! =*


Amanda Faustino, disse: - 09-10-2012 (18:50)

Eu preciso ler esse livro! Até hoje não tive a oportunidade e fico triste com isso, faz um tempão que estou querendo ler…
A Babi é uma ótima blogueira e com certeza, uma ótima escritora.

Beijos,
Mandi – Book and Cupcake.


May, disse: - 09-10-2012 (20:09)

Esse livro é um dos que eu ainda quero muito ler, já que falam tão bem! o/ Não sou fã do McFly, BUUUT, a história parece ser bem interessante! o/


Giil Almeida, disse: - 10-10-2012 (08:07)

Oi Jel!
Estava meio off, fazia tempo que não passava por aqui! Então só vi agora o novo layout. Ficou perfeito! Amei!
Falando do post:
Quero muito muito muito ler esse livro!
Fiquei com mais vontade ainda lendo sua resenha, conheci o trabalho da Babi na época da fanfic indicada por uma amiga minha e desde que virou livro estou doida para comprá-lo.
Espero poder lê-lo logo!

Bjos,
Verbologia Pink


Beatriz Gosmin, disse: - 10-10-2012 (08:37)

Gostei muito da resenha Jeh, sempre tive vontade de saber mais sobre este livro.

Primeiramente a nova edição ficou LINDA! Só de ter essa capa na estante é uma emoção muito grande não? *o*

E quanto a história, parece ser divertida e original, e tirando um ou outro deslize da autora (claro, ela é uma iniciante!), acho que ler este livro seria bem bacana.

Vou procurar saber mais e se criar coragem, compro ele.

Beijos
Bia | http://www.livroseatitudes.com.br


Camila Leite, disse: - 10-10-2012 (09:45)

Já li tantas resenhas postivas sobre esse livro, que fico louca de vontade de correr para a livraria mais próxima! :)
Ele parece ser bem fofo e é legal que as fics estejam ganhando espaço no mercado editorial!
Beijos
Camila Leite

@sonhospontinhos
http://sonhosentrepontinhos.com


Amanda Cristina, disse: - 10-10-2012 (20:32)

Oi Jeh!
O livro da Babi foi uma das minhas primeiras leituras nesse ano e me surpreendeu também! Nunca tinha lido nenhuma fanfic e nunca imaginei que fosse assim, tão bacana!
Além da personagem se chamar “Amanda”, sempre digo que essa é a história de amor que qualquer pessoa queria ter, o Daniel é um par perfeito pra qualquer mocinha romântica como eu, rs
Outra coisa que me chamou a atenção foi a qualidade do booktrailer. Super bem produzido! :D
Adorei sua resenha! É um livro ótimo mesmo e que todos deveriam ler, hahahaha

Beijinhos!


Caroline, disse: - 11-10-2012 (14:25)

Já lia a fanfic há muitos anos atrás e em 2012 e dez eu comprei o livro dele, da primeira edição. Coisa mais linda! Sou apaixonada por ele e ainda tem o autógrafo dela.


Carolina Ribeiro, disse: - 11-10-2012 (18:54)

Ahh, eu tive a oportunidade de ir no lançamento de SAN aqui em Brasília e de conhecer a autora que é mesmo SUUUUUPER fofa!! Li o livro e achei bem legal, só não gostei de uma coisa: personagens brasileiros com nomes estrangeiros =|
Tirando isso o livro é super fofo e divertido!

http://autoracarolinaribeiro.blogspot.com.br


Ane Reis, disse: - 11-10-2012 (21:37)

Oie Jeh!

Confesso que não tinha muita vontade de ler este livro, mas agora que vc falou que faz lembrar do BSB me deu uma certa curiosidade rs…

Eu era/sou muito fã deles até hoje, principalmente do Nick *-*
quem sabe um dia eu não acabe lendo este livro.

Adorei sua resenha flor!

bjus;***

anereis.
mydearlibrary | bookreviews • music • culture
@mydearlibrary


Tais, disse: - 12-10-2012 (08:25)

Eu acho a capa desse livro tão fofa, tanto a da primeira edição quanto essa nova.
A história parece ser bem legal, pena que tem algum essa pequena confusão de nomes e personagens né?
Mais espero ter a chance de ler San um dia.

bjs
Tais
http://www.leitorafashion.com.br


Jaira Costa, disse: - 12-10-2012 (11:23)

Oi, Jeh…..

eu gostei da capa desse livro…é bem bonita…a sinopse me deixou curiosa e sua resenha também ajudou bastante pra minha vontade de ler ….então pretendo colocar ele na minha próxima lista de compras…que esta megaaaaaaaaaaa grande rsrs….

bjisss flor

Jaira

Livros e Versos


Viviane de Andrade, disse: - 13-10-2012 (21:29)

Aos poucos fui criando uma vontade imensa de ler este livro, pena que ainda não tive a oportunidade de compra-lo ou ganha-lo. Ótima resenha, sucesso.

http://devaneioselivros.blogspot.com.br


Jayane, disse: - 14-10-2012 (14:17)

Gostei,o livro e bem curtinho mas como e uma trilogia tem muita historia para poder entra no mundo de sábado a noite.

PS:Adorei a capa também e adoro o mcfly?


Nathy Miranda, disse: - 15-10-2012 (10:21)

Oi Jeh, como vai?
O livro parece ser muito gostoso de ler, sem compromisso, apenas deixar levar né. Mas um contra que você comentou é realmente a existência de muitos personagens, isso pode causar confusão.

Beijos moça, até^^
http://www.natocacomacoruja.com/


Thaiane Nobre, disse: - 16-10-2012 (23:06)

Ahhhhhhhhhh, que quero ler esse livro. Vou comprar! (Assim que eu encontrá-lo em alguma livraria…)
ADOREI essa resenha! Nada como mergulhar de volta na adolescência, né? Adoro livros assim, que nos envolvem com coisas que já passamos…

Alias, caraca, to a tanto tempo sem mexer no computador direito que agora que percebi que perdi uns 3 ou 4 posts novos do meine :/ Quero férias!! rs

Beeeijos


Daiane, disse: - 17-10-2012 (23:09)

Oi Jeh,
É a primeira vez que estou vindo ao seu blog e já posso dizer que estou apaixonada! O modo que você se dedica a ele, o layout, à sua equipe em geral, me faz querer voltar aqui mais vezes!
Bom, eu confesso, li a fanfic de SAN e não me senti tão empolgada (apesar de ser fã do McFLY) quanto os outros leitores, o livro, não fiz questão de ler… Até ler a sua resenha!
Você acabou me deixando curiosa e sabe em que ponto? Quando você menciona os Backstreet Boys, haha!
Fiquei curiosa em relação aos personagens e também em relação a história em geral.
Beijinhos


Bia Medeiros, disse: - 21-10-2012 (17:09)

Sempre quis ler esse livro! Não sabia o nome dos personagens, mas depois que vi que tem uma personagem que se chama Anna Beatriz (meu nome) me apaixonei haha Quero ler. Esse lance de bailes me lembra muito historinhas americanas, aqueles filminhos de patricinha, high school… São poucos os livros nacionais que me agradam, mas esse me agradou e muito *-*
Bjs!


camila groppo, disse: - 22-10-2012 (19:23)

Adorei a resenha!! quero muito ler este livro


Gilciany, disse: - 02-11-2012 (16:24)

Nossa amiga que bom esse livro heim?
Senti uma vontade enorme de lê-lo, só pela sua resenha.É tão gostoso lermos histórias leves e que nos trazem emoções diversas, eu adoro!
Fiquei tão espantada de saber que SAN veio de uma fanfic. Até ano passado eu não sabia o que era o termo, fiquei sabendo por uma aluna minha que escreve e posta suas fanfics sobre a saga Crepúsculo num site.
Particularmente, as fanfics dela são bem boas e sempre dou uma olhadinha nos novos capítulos, qndo tenho um tempinho…
Mas saber que uma fanfic virou um livro super bacana, essa é novi pra mim.
Fico feliz pela Babi, pq isso só mostra o quanto a sua dedicação à escrita foi válida e o quanto a sua história agradou e continua agradando.
Adorei a resenha Jeh, bjus flor.


Heather Madden, disse: - 28-11-2012 (09:05)

Nice article lady and great video.


@blogdimoca no Instagram!

Di Moça :: Colecionando sonhos e palavras! - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2015 - Ilustração por Juliana Rabelo