categoria2 category image

Ecos da Morte ::: Kimberly Derting

30 . dezembro . 2011

Para quem tinha sumido por alguns meses, de repente essa “enxurrada” de posts desesperados fica meio suspeito né? A verdade é que eu queria trazer esta resenha como a última de 2011! Além de ter demorado um bom tempo na leitura de Ecos da Morte, quase não deu para vir com a resenha em 2011! Fiz um esforço aqui e ali e voilà! Espero que gostem e ajudem a tomar a decisão de “ler ou não ler, eis a questão!”

Ecos da Morte #1 – Série The Body Finder (The Last Echo #1 – The Body Finder)
Autora: Kimberly Derting
Ano: 2011
Páginas: 272
Editora: Intrínseca

* Livro enviado pela editora como cortesia.
Sinopse:

Violet Ambrose é uma adolescente de Buckley que tem dois problemas: seu dom de encontrar seres (humanos) enterrados ao sentir o eco deixado por eles e sua repentina paixão por seu melhor amigo Jay. Claro que Violet vai ter que aprender a lidar com esse sentimento novo pelo amigo, já que o dom de encontrar corpos a acompanha desde os oito anos de idade, quando descobriu a primeira garota morta.
Com o passar do tempo, Violet descobre que mais garotas estão sendo assasinadas e o que é pior, pela mesma pessoa que assassinou a garotinha há anos atrás. Com os ecos próximos, “novos em folha”, Violet começa a se interessar por esse problema e capturar de vez o assassino, “farejando” os ecos impregnados no mesmo. Mas o que parece ser a caça pode repentinamente virar o caçador e Violet vai precisar de proteção e muita coragem para lidar com a perseguição em Ecos da Morte, da autora Kimberly Derting. Embarque nesta aventura!

Aqueles eram corpos que estavam em paz. Arrancados do mundo antes da hora, mas postos para descansar eternamente por aqueles que mais os amavam. E estavam em harmonia.

Antes de mais nada, gostaria de pedir mil desculpas pela falta de prática em resenhar no blog. Fiquei um bom tempo no sedentarismo literário e blogueiro que tenho medo de não conseguir passar a minha opinião sobre o livro. Enfim, peço um pouco de paciência para vocês até eu pegar o ritmo novamente! ;)

Vamos lá. Violet Ambrose tem o mesmo dom que sua avó: através de ecos dos mortos – cheiros, luzes, imagens, gosto, etc – a garota consegue sensivelmente encontrar corpos de seres vivos. No começo esse dom pairava nos pequenos animais aqui e ali. Mas aos oito anos de idade, Violet encontrou o primeiro corpo de uma garota no lago. Assim Violet teve que conviver e até desenvolver esse dom que muitas vezes pode ser irritante (pensa você ter que cheirar, sentir e lidar com ecos de mortos? Nojento!). Em Buckley tudo parecia tranquilo até que mais uma garota é assinada. E dessa vez, uma aluna da escola White River. Uma coisa é você saber de um assassinato de alguém que você nunca ouviu falar. Outra é de uma pessoa próxima, da mesma escola, de seu círculo social.
Sem saber o que fazer, Violet decide ir atrás do assassino. A única ajuda que tem é o de seu dom que muitas vezes pode acabar confundindo a razão da garota. E não só isso. Além de tudo, Violet está apaixonada por seu melhor amigo Jay. Tem como perder ainda mais a razão? Além de conviver com esses rastros (cheiros, imagens, etc) de mortos, deixar esse sentimento escondido é frustrante. Por que justamente Jay? E parece que todas as meninas da escola também notaram a beleza em Jay. Muitos sentimentos para uma garota só. É preciso foco.

Cemitérios, bosque, floresta, todos os possíveis lugares em que Violet poderia encontrar os corpos das meninas foram pesquisados. Mas quando Violet menos espera, o assassino pode estar bem mais perto do que ela jamais imaginaria. E agora a caça é a própria Violet.
Sem discussões, a garota vai precisar da ajuda de seus amigos, de seus pais e de todos que possam protegê-la da possível perseguição. Mas será que mesmo assim Violet está livre de qualquer risco?

Ecos da Morte é o primeiro livro da série The Body Finder. Como primeiro livro (de uma série) eu geralmente costumo dar três estrelas porque considero livro-introdução. É no primeiro livro que vamos conhecer sobre os personagens principais e o desenrolar da história começa lá nas últimas páginas, deixando aquele tchan para o próximo livro. Mas com Ecos da Morte não foi assim. A autora usou pouquíssimo de explicação sobre a vida dos personagens. Voltar ao passado é uma característica quase inexistente no livro. Ao mesmo tempo que a autora queria ir direto ao ponto, alguns trechos foram demasiado longos e desnecessários. A narrativa em terceira pessoa foi imposta nos capítulos que descreviam Violet, enquanto os capítulos do assasino foram descritos em primeira pessoa. Uma característica legal utilizada pela autora foi a alternância de capítulos e a utilização do itálico nos capítulos descritos pelo assassino.

Na minha opinião, a linguagem utilizada pela autora não foi forte. As frases se repetiam muitas vezes e a leitura ficava cansativa quando nenhuma novidade surgia durante o decorrer das páginas. O vocabulário é carente de palavras mais significativas, que expressem com mais clareza ou mais determinação um ato específico. Porém, deixo claro que me interesso sim em ler o segundo livro da série, Desejos dos mortos, previsto para janeiro de 2012 pela editora Intrínseca.

E você, já leu Ecos da Morte? O que achou? Se não leu, quais as suas expectativas em relação ao livro ou à série??
*-*
Um grande beijo e até o próximo ano, se Deus quiser! ;*

Kimberly Derting

Ela nasceu e cresceu na área de Seattle, com exceção de uma poucas passagens em Phoenix, Boise, e San Jose. Tive uma infância colorida, criada por uma mãe solteira. Sua carreira começou bem cedo, quando começou a fazer livros de colorir caseiros com folhas de papel em branco e um grampeador, e depois ia de porta em porta para vender. A primeira vez que se apaixonou por escrever (desistindo dos sonhos de infância de ser uma veterinária) foi quando ela se inscreveu para o Jornalismo no sétimo ano eletivo. Logo se tornou sua paixão. Ela ainda vive no noroeste do Pacífico. Mora com seu marido e os três filhos.

Site da autora | Blog da Intrínseca


• Hey! Deixe um comentário aqui •

• Temos 20 comentários nesta postagem" •

Carlinha, disse: - 30-12-2011 (12:31)

Sério flor, que você não gostou?!
Eu li o livro em algumas horas, não consegui desgrudar dele!!!
Tô louca para colocar minhas mãos no segundo “Desejos dos Mortos”!!!
Que bom que você está de volta ao blog, sentimos sua falta!!!
Beijinhos


Raquel Euphrasio, disse: - 30-12-2011 (14:00)

Amiga …
Ninguém perde o dom de escrever, pode até perder um pouco da rapidez para escrever por falta de pratica mas é só !
Bom só pelo tempo q tu çlevou para ler.. já dava para perceber q não estava gostando muito.. mese livro não me chamou mesmo atenção e nem na listinha entrou.. então até a primeira resenha de 2012 !!
Te adoroooo
Bjinsssssssss


Vanessa, disse: - 30-12-2011 (14:25)

Parabéns pela resenha Jeh! Estou ansiosa para ler Ecos da Morte! Beijo!


May, disse: - 30-12-2011 (15:57)

Ainda não li o livro, mas achava que era outro tipo de história. Leitura meio cansativa eu deixo sempre pra depois, geralmente acabo desistindo, infelizmente! Eu quero ler esse livro, mas não é minha primeira opção comprá-lo, sabe? Sobre a alternância de capítulos, já leu Questões do Coração? É assim com Tessa (em primeira pessoa) e Valerie (terceira pessoa)! É bem legal realmente a ideia de alternar o foco narrativo, mas você acaba torcendo mais por um personagem do que por outro, eu acho, sei lá! Rs! Nesse caso é “ler pra crer”!

Um ótimo 2012!
Beijinhos,
May ;*


Aione Simões, disse: - 30-12-2011 (16:01)

Oi flor!
Primeiro de tudo, você não perdeu a prática de resenhar não viu, a resenha está ótima!
Você não é a primeira que vejo dizer sobre o livro ter partes meio desnecessárias e tal, já ouvi dizerem que o livro é bem enrolado e um pouco cansativo hehe!
Que pena né?
A história tem tudo pra ser boa, pena que a narrativa não prendeu!
Beijos!


Desirée, disse: - 30-12-2011 (16:38)

eu tô dooooooooooooooooida pra ler esse livro! desde que eu vi pela primeira vez! vou arrumar de algum jeito! uahuahahu

feliz ano novo :)


Giulia, disse: - 30-12-2011 (16:40)

Oi!
Sério que não gostou??
O livro parecia tão legal, ainda não li, mas espero ler em breve!
Mas agora já caiu algumas posições na minha lista de desejados! Não gosto de leituras cansativas, carente de palavras expressivas, e que não tem algo surpreendente!
Beijos!


Amanda, disse: - 30-12-2011 (19:59)

Oi Jeh!

Quando eu vi esse livro pela primeira veze fui ler a sinopse não em interessei nadinha por ele. Mas de uns tempos pra cá li algumas resenhas que elogiaram bastante o livro aí eu estava começando a ficar curiosa, mas ainda assim não é um livro que me instiga muito. É uma pena que não tenha gostado do livro… Mas é sempre bom ler uma opinião diferente. Ainda estou pensando se leio ou não esse livro, vamos ver… Acho que vou esperar sair o segundo volume pra saber se a série melhora, pra aí sim dar uma chance pra ela. ;)

Beijocas,
E tenha um 2012 LINDO, Jeh! Muito amor, paz, saúde, sucesso, determinação. Que ele seja cheinho de surpresas boas! <3


Babi Lorentz, disse: - 04-01-2012 (13:42)

Jeh, não sei bem o que esperar deste livro.
Sei que tenho o livreto com o primeiro capítulo de Ecos da Morte e que agora vou ler pra saber um pouco mais sobre a narrativa da autora – nem sei se essa enrolação já começa logo no primeiro capítulo, mas vai ser interessante conhecer, penso eu.
Beijão!

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

@Babi Lorentz,

Oi flor! Então, é complicado falar de um livro de série né? Ainda mais quando a gente não sabe o que esperar dos próximos. Não sei que linha a autora vai seguir: mais pro suspense, pro subjetivo da personagem, do assassino, etc. Mas eu quero ler o segundo sim… O primeiro geralmente pode deixar a desejar né? Agora a partir do segundo eu sempre espero muito mais…. hehehe!

Beijos!




Renata de Aquino, disse: - 04-01-2012 (14:01)

Não acho que você perdeu seu dom de rsehar não kkk ele está aí ainda :D gostei da resenha. gosto de ver a análise – simples, mas bem descritiva – do andamento do livro, do aprofundamento da personalidade dos personagens, coisas assim. apesar que na hora de ler eu acaba não prestando muito atenção nisso =xx hsuahsua mas sempre bom ouvir a opinião dos outros :D
Mas na verdade nem me interessei muito pela história. Não sei se seria um livro que eu leria, apesar que se eu parasse pra ler eu até gostasse, quem sabe :D MAs quem sabe um dia eu tento né :) [mas sei quem gostaria desse tema :O vou indicar pra pessoa shaus xD]
enfim,

beijocas :**
parabéns pela resenha!!
continue nos trazendo sua opinião!

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

@Renata de Aquino,

Huahauhauhauha obrigada Reh!!! É meio “complicado” fazer resenha de livros de série porque a gente não faz a resenha da série num todo mas de livro por livro. Acho meio estranho assim, é bom dar sua “opinião final” quando você já tem todos os livros lançados… Por ser o primeiro livro, acho normal não ter aquele apelo, talvez os próximos sejam melhores… Agora se a partir do segundo o “trem” não desanda aí eu largo mão mesmo, sou assim, heehehe

Beijos!




Gabriela, disse: - 05-01-2012 (13:02)

Que nada, Jeh, você tá ótima resenhando. Já pegou o ritmo de novo :)
Quando a Intrínseca mandou a sinopse pra nós, parceiros, eu admito que não me interessei muito pelo assunto – achei muito sobrenatural e, pra mim, esse assunto já esgotou.
Essa é a primeira resenha que leio do livro, e então acho que as minhas suspeitas estavam certas.
Apesar de tudo, acho que o trabalho de capa ficou ótimo. É um livro que gostaríamos de ter pela capa.

Beijão!

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

@Gabriela,

Obrigada Gabi!! Huhuhuh modéstia a sua viu!!! Hehehe, confesso que preciso ler mais pra resenhar mais, a gente acaba perdendo um pouco o ritmo!

Eu já tinha me interessado bastante pela sinopse e confesso que no geral eu gostei. Como é o primeiro livro de uma série, é normal a autora deixar a desejar um pouquinho no primeiro… Espero que os outros sejam de tirar o fôlego! ;)

=*




Paola Cariello, disse: - 09-01-2012 (13:27)

Eu peguei o livrinho com o primeiro capítulo e simplesmente adoreei. Quero muito ler :D

Beijoos

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

@Paola Cariello,

Huhuhuh se você gostou então leia sim flor, nada melhor do que lermos o que nos interessa, chama a atenção! E como é uma série, a autora vai nos surpreender nos próximos livros, eu imagino! ;)

Beijos!




Monique Martins, disse: - 09-01-2012 (17:35)

A capa é linda demais, realmente apaixonante. A história condiz e parece ser interessante e envolvente. Mesmo com uma linguagem superficial está na lista de desejados!
Bjkas,

Monique Martins
MoniqueMar
@moniquemar
http://mimosliterarios.blogspot.com/

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

@Monique Martins,

Linda mesmo Mo!! A do segundo livro é mais bonita ainda porque se não me engano, é rosa! Nossa, me apaixonei! A história é boa sim mas alguns pontos deixaram a desejar. Como é apenas o primeiro de uma série, vou dar continuidade à leitura pra ver como a autora vai encerrar essa história! ;)

Beijinhos!




Amanda Faustino, disse: - 12-01-2012 (15:17)

Tenho muita vontade de ler esse livro, mas não sei o que vou fazer, se compro ou não.
Acho a capa muito bonita, e isso foi o que despertou meu interesse – e é o que sempre acontece, hehe.
Ah, vai, você não perdeu a prática nas resenhas não. A resenha está ótima, adorei.

Beijos,
Mandi – Book and Cupcake

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

@Amanda Faustino,

Eu gostei do livro flor. Ele deixou a desejar mas isso é comum por ser o primeiro de uma série né? Acho que se você realmente está com vontade, vale a pena comprar. Se você não gostar, pelo menos vai ter sua própria opinião e não vai ficar com dúvidas né? Odeio quando fico em dúvida se compro ou não um livro, ainda mais se tenho vontade mas cada um fala uma coisa… Então vai fundo e leia sim! ;)

Beijinhos!




@blogdimoca no Instagram!

Di Moça :: Colecionando sonhos e palavras! - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2015 - Ilustração por Juliana Rabelo