uncategorized category image

Diário de uma paixão :: Nicholas Sparks

07 . janeiro . 2011

Oi pessoal!! Mais uma resenha na coluna Sobe ou Desce? e devo admitir que estou super feliz pelos livros serem muito bons, pelo menos até agora! É um prazer e uma aventura fazer um post para essa coluna, sempre trazendo desafios para minha mente!
Hoje, a coluna traz o livro Diário de uma paixão de Nicholas Sparks, lançado pela editora Novo Conceito!

Diário de uma paixão (The Notebook)
Autor: Nicholas Sparks
Ano: 2010
Páginas: 256
Editora: Novo Conceito
Sinopse:

Allison Nelson (Allie) e Noah Taylor Calhoun (Noah) são dois apaixonados que se aventuram em um amor que desafiam as regras da sociedade. Allie, uma moça rica e Noah, um homem pobre. Em um verão, ambos se apaixonam perdidamente em Nova berna e se decidem que são feitos um para o outro.
Porém, com a ida do verão, Allie volta para sua casa e ambos se separam por anos a fio. E com uma foto de uma casa que Allie conhecia muito bem, em Nova Berna, totalmente reconstruída, seu coração pulou e a mandou para o seu verdadeiro lar.
Depois de se reencontrarem, Noah e Allie revivem e vivem novas aventuras de amor, aproveitando cada minuto, cada segundo de seus dias juntos.
E com o tempo, uma doença terrível amaldiçoa a vida de um casal que tinham tudo para serem inesquecíveis um ao outro.

Fechei o livro. Olhei para os lados e não vi ninguém. Apenas eu e Diário de uma paixão no mesmo lugar. Resolvi tomar um banho quente, para levar com a água toda a tristeza, o soluço embrulhado no peito. Coloquei um pijama, fui para meu quarto. Deitei e chorei até soluçar.
(Jessica Asato)

Para quem já assistiu um dos filmes mais lindos que existe (Diário de uma paixão), com certeza vai associar o livro com o filme, ao invés do contrário. Eu fiz isso, obviamente. Mas me deparei com um livro que me fez chorar muito mais, com palavras e descrições que me deixaram mole, triste, esperançosa e cheia de convencimentos de que o amor realmente supera tudo. Se você acha que conhece a história do casal através do filme, esqueça isso.

Noah e Allie se conhecem em Nova Berna, cidade em que Noah mora e Allie vai passar um verão por lá. Ambos se conhecem e começa uma história de amor.
Em um verão, um amor nasce. Assim que a estação vai, o amor aparentemente desvanesce junto. Durante anos, Noah e Allie são separados por quilômetros, por preconceitos de classe social e pelo tempo. Apesar de tentar manter contato com Allie através de cartas, Noah não recebe respostas e resolve “levar a vida adiante”.
Sua vida segue adiante, trabalhando e fazendo o que poderia manter sua cabeça ocupada. Chegou a se alistar no exército e, felizmente, saiu ileso para contar suas histórias para seus descendentes. Reconstruiu uma casa antiga que sempre sonhou em arrumar. E fez um excelente trabalho. Dia e noite. Noite e dia.
Allie, em sua cidade natal com seu futuro noivo, Lon, vê uma matéria em um jornal que faz seu coração saltar do peito. Ela conhecia aquela casa muito bem, mas era mais velha, mais destruída na época. A foto que o jornal mostrava era de uma casa linda, reconstruída. Mudada.
Sentindo o ímpeto de ir até àquela casa, Allie volta a encontrar Noah e ambos vivem uma nova aventura, relembram o passado e tentam decidir o futuro.
E o que é o futuro senão decisões certas no presente e consequências e atos incertos lá na frente? Apesar de tomarem uma decisão que o coração de ambos sabiam ser certa naquele momento, o futuro guardou uma doença terrível, o mal de Alzheimer para que a força do amor sobrepusesse a vida de um casal cheio de esperanças.

Quando comecei a ler Diário de uma paixão confesso que me assustei. Primeiro, porque estava com o filme na cabeça, imaginando as cenas, os atores, as mesmas falas e acontecimentos. Me enganei, claro. Um livro sempre se mostra diferente de um filme e vice versa. A ordem cronológica do livro é parecida com a do Querido John: Noah começa descrevendo seu presente, já velho e morando em uma clínica. Os outros capítulos, Noah descreve seu passado, narrando seu diário para uma mulher velha, deitada na cama, olhando para a janela com os olhos vagos.
Eu estranhei a forma cronológica de Noah contar sua história e de começo não estava gostando. Alguns fatos são passados bem rápidos – como a juventude deles e quando/como ambos se conhecem – e o momento adulto de ambos os personagens são contados com mais detalhes.
Com o tempo, fui me acostumando e gostei da forma narrada pelo personagem. A cronologia acaba se encaixando entre passado (adulto) e presente (velhice).
Sendo assim, a gente não tem relatos completos da juventude de ambos mas passamos muito tempo conhecendo e suspirando com o momento em que ambos se reencontram, através do artigo no jornal, já adultos, maduros.

O amor que Nicholas Sparks descreve no livro é um amor incondicional, o qual não conheço além de histórias literárias. Mas lá no fundo, me fez acreditar que sim, o amor supera tudo, até mesmo uma doença que promete apagar todas as suas memórias e engolir sua alma, te deixando em um vazio, oca.

Eu afirmo com toda convicção de que esta é uma das melhores leituras, desde já, que terei em 2011. Nicholas Sparks conseguiu mudar meu coração, amolecê-lo e moldá-lo de forma que ainda não (re)conheci, mas sinto que estou diferente.

Para quem leu, sabe o que estou falando. E quem não leu, leia! E não esqueça de deixar lenços do seu lado!

Beijos e até o próximo post!
xoxo

Nicholas Sparks

Nicholas Charles Sparks nasceu em Omaha, Nebraska. Passou a adolescência na Califórnia. Começou a escrever quando tinha 19 anos. Com essa idade, escreveu o primeiro livro, porém, a obra não foi mais encontrada. Estudou Na Universidade de Notre Dame, onde formou-se em economia em 1998.
Nicholas Spark foi durante um tempo delegado de informação médica, até que a agente literária Theresa Park passou a mediar a publicação dos livros do escritor. Theresa Park vendeu os direitos do romance “The Notebook” à Warner Books, e depois desse fato, o escritor esteve na lista de livros mais vendidos durante 56 semanas.

Site do autor Editora Novo Conceito



• Hey! Deixe um comentário aqui •

• Temos 40 comentários nesta postagem" •

Isa Pina, disse: - 07-01-2011 (16:44)

Minha irmã já tem o livro, parece ser bem bonito e ao mesmo tempo triste (como Querido John, que já li mas não vi o filme ainda), e eu SEI que vou acabar chorando. Sua resenha – é meio que uma resenha isso, né? rs – me deixou com vontade de ver o filme e ler o livro (mais ainda!)
Bjs ;*
Isa.
~Portal dos livros

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

@Isa Pina,

Oi Isa!!!
*-*
Sim, é simplesmente lindo!!! Impossível não se emocionar!! Se puder ler o livro da sua irmã, não perca a a oportunidade!!
=)
Depois me diz o que achou da leitura! ;)

Beijos!
xoxo




Vanessinha, disse: - 07-01-2011 (17:23)

Oi Jeh, nem me fala desse Livro, eu ainda estou lendo mas realmente é muito emocionante, cada página q eu leio me da arrepios, é como se eu já conhecesse os personagens principais, essa sensação deve se dar ao fato de que eu já vi o filme dezenas de vezes, por que Diário de uma paixão é simplesmente meu filme favorito, e tenho certeza q o livro não vai ficar pra trás!! aiaiai.. é uma história tãooo linda! bjuss

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

@Vanessinha,

*-*
Lindo né Vane?? Nossa, eu me apaixonei! É diferente do filme mas ambos são maravilhosos né??
Eu fiquei super nostálgica, meio zonza aqui em casa, tentando abraçar todo o sentimento que estava invadindo meu coração…
Boa leitura! ;)

Beijos!
xoxo




Marcia C. Silva, disse: - 07-01-2011 (17:49)

Adorei a resenha!
Adoro livros que emocionam e histórias de amor. Não li nenhum livro – ainda! – do Nicholas Sparks, mas quero muito ler *-*
Enquanto não compro o livro, vou assistir o filme, não sabia que tinha!
Beijos Jeh :*

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

@Marcia C. Silva,

Ah que bom que gostou Marcinha!! Esse livro já é um dos melhores que li em 2011, sem dúvida!!
Nossa flor, assista o filme, é PERFEITO! Uma história de amor maravilhosa!
O livro então, nem se fala!! Eu nem sei em qual chorei mais…. :x

Beijos!
xoxo




Juh, disse: - 07-01-2011 (18:48)

Jeh, eu vi so o filme,e amei, e chorei litros, mas tenho certeza que vou amar ainda mais o livro!!
Adorei a resenha, e a sua frase do começo me emocionou muito.
beijos enormes
Livros e blablabla

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

@Juh,

Oi Juh!!! Ahh, acho que muita gente chorou com esse filme né? E o casal ficou tão lindo, a história de um amor que muita gente nunca ouviu ou sentiu né?
Coisa tremenda!!

Com o livro você vai chorar MUITO mais, eu tenho certeza! A gente tem nas mãos as palavras, o diário de Noah e nossa, parece que estamos ali, com ele, sofrendo e rindo com ele sabe???
:x

Muito bom!!!! E a minha frase, por incrível que pareça, é verdade!! Nem eu acreditei que reagi desse jeito!

Beijos!
xoxo




Martha Sossai Spadeto, disse: - 07-01-2011 (18:57)

Esse livro faz chorar mesmo!! Que estória linda!!!!:D

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

@Martha Sossai Spadeto,

*-*

Muito linda né Marthinha??? Eu fui tomar banho depois e choravaaaaa…. parecia uma criança…tsc tsc tsc!
Agora estou melhor, consegui me recompôr!
Huahauhauahuahuah

Beijos!
xoxo




Mirtes Agda, disse: - 07-01-2011 (19:16)

Simplesmente amei a sua resenha <3
Eu já havia ouvi falar muito de Nicholas Sparks, mas essa história realmente comoveu muita gente que eu conheço…
Acho que eu vou comprar uns lenços de papel a mais antes de ler :)

Mil Bjs, Jéssica
Muito sucesso pro seu blog que se continuar com resenhas tão tocantes assim vc vai conseguir uma comentarista fiel… rs

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

@Mirtes Agda,

Oi Mirtes!! *-*
Poxa, muito obrigada!!!
Aahh se puder, leia mesmo esse livro lindo! Claro, não esqueça dos lenços, hehehehe!
\o/
Obrigada de coração pelo comentário! Significa muito pra mim viu! Obrigada!!

Beijos!
xoxo




Adriana T, disse: - 07-01-2011 (19:38)

Ao contrário da maioria das pessoas, eu não gostei do filme, mas tenho muita vontade de ler o livro (agora ainda mais), acredito que o livro deva ser melhor, não consigo imaginar um livro de Sparks que não seja bom.

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

@Adriana T,

o.O
Sério Adri? Poxa, acho que é a primeira pessoa que conheci que não gostou do filme. Mas sim, você pode gostar do filme porque há diferenças na cronologia. Enquanto o livro retrata mais a vida adulta dos personagens, no livro a gente vive mais o passado dos jovens, quando eles se conhecem e tudo o mais. Mas é lindo, espero que possa ler em breve!!

E aí você me diz o que achou, ok???
*-*

Beijos!
xoxo




mandy, disse: - 07-01-2011 (20:25)

Oi Jeh! ^.^
Eu vi o filme mas ainda não li o livro, e sempre que leio algo sobre o livro fico pensandom, meu Deus por que ainda não li?
Mas minha disculpa é pq eu não quero baixar o pdf e sim ter o livro físico, quem sabe eu não ganho a promoção do seu blog? :)
bjus flor

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

@mandy,

Oi Mandy!!! Aaahh que bacana, se você gostou do filme vai amar muito mais o livro!!!
Eu confesso que não gosto de ler em PDF, fico com mais preguiça, a luz do PC me incomoda, terrível… -.-‘
Mas espero que participe da promo e boa sorte!!
Huhuhuhuh

Beijos!
xoxo




Tary, disse: - 07-01-2011 (20:45)

Ai, Jeh, estou LOUCA por esse livro. Mesmo não tendo gostado da capa (uma pena não terem liberado a do filme)quero conhecer melhor essa liiinda história e sua resenha só me animou mais! Beijos =*

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

@Tary,

Huhuhuh Tary, ele é muitooo bom!!!! É, eles modificaram a capa, mas acho que se fosse como o DVD, não teria tanta ligação com o a história narrada no livro, entende? São diferentes, os detalhes, alguns momentos… o filme acrescenta justificativas, situações e cenas que não existem no livro e vice versa.
Enfim, só lendo pra entender… hihihihih

Beijos!!
xoxo




Maggie L. Dias, disse: - 07-01-2011 (20:54)

Acredita que ainda não li nenhum livro do Nicholas? E eu me odeio profundamente por isso >.< Eu comprar esse mês todos(?) os livros dele, mas papai disse que não vai mais me dar dinheiro para comprar livros DDDDD: Num é para chorar? T_T
Mas enfim u_u Sua resenha me tocou bastante, eu choro a toa com livros :P Seilá, acho que me envolvo demais. Confesso que não chorei no filme, mas fiquei com aquele aperto no coração e os olhos ardendo, imagina com o livro? Acho que ao invés d lenços de papel eu vou colocar uma bacia do meu lado :P kkkkkkkkkkk'
Adorei a resenha Jeeh o//

xoxo -Maggie
Books & All Star

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

@Maggie L. Dias,

Ahh flor, não se odeio por não ter lido um livro do NS! Eu li o meu primeiro final do ano passado, Querido John… isso que eu ganhei um milhão de meses antes (tá bom, exagerei)!
É assim mesmo, não fique assim… hehehe!
Logo logo você lerá um livro dele, pode ter certeza! *-*
Eu sou bem sensível com livros também. Qualquer cena descrita com sentimento, ou que passe algum sentimento, me deixa de todo jeito possível… :x
HUahuahauhauha se precisar de uma bacia, coloque do seu lado mesmo, porque é um livro lindo!

Beijos!
xoxo




Jana Barreto, disse: - 07-01-2011 (21:54)

É bem diferente né?
O livro explorou o lado que o Sparks deixou mais de lado. Nesse caso, um complementou o outro. ^^

Gostei demais desse livro. ?

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

@Jana Barreto,

*-*

Ahmram!!! Eu gostei muito do livro!! Cada um explorou um lado da vida do casal: o livro o lado mais adulto e o filme o mais jovem….
Eu amei! Amo o filme também, choro horrores!!!
Huhuhuhuhuhuh

Beijos!
xoxo




:: Loma, disse: - 07-01-2011 (22:04)

Hey ^^

Quando digo que seou fã do Nicholas Sparks tenho meus belos motivos para o mesmo, realmente adoro tudo que possa vir daquela mente, fico a imaginar um cara como ele deve ser romântico por natureza né? será que ele tem filhos homens? kkkkk

Amei a resenha eu comecei depois parei vou continuar… quando terminar a Morte e Vida de Charlie.

Xoxo

:: Loma

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

@:: Loma,

Huhuhuhuh verdade né Loma!! Será que ele realmente é tão romântico assim?? Talvez!
No diário de uma paixão, ele baseou o romance na história dos avós da mulher dele né??
Então…

Ahh assim que puder, continue sim, o livro só tende a nos impressionar com o passar das folhas….

Beijos!
xoxo




Fernanda Matos, disse: - 08-01-2011 (01:56)

Oi Jeh!

Ainda não li nenhum livro do Nicholas Sparks e confesso que não tinha vontade de ler os livros dele porque todo mundo sempre diz que se emocionou muito, chorou etc. Parece até meio clichê, sabe?

Mas a sua resenha me deixou curiosa em descobrir o porquê de tantas lágrimas e tristeza… enfim, fiquei com vontade de desvendar esse mistério e também de superar a barreira que eu tenho com histórias de amor na ficção [e na vida real tb!].

Bjo!

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

@Fernanda Matos,

Oi Fer!!!
Apesar de parecer meio clichê, é a verdade! Impossível não se emocionar, pelo menos ficar com o coração meio pesadinho, com os livros dele!
Tive a oportunidade de ler “Querido John” e agora “Diário de uma paixão” e ambos mexeram muito comigo!!!
Entre os dois, chorei mais com “Diário de uma paixão” (por enquanto)…
Os livros falam muito de um amor que parece que não existe sabe? Chega a ser um amor daquele escrito na Bíblia? Mas ao mesmo tempo a gente acredita que esse amor existe, em algum lugar, bem longe, mas existe!

Se puder, leia sim!!

Beijos!
xoxo




Tamy, disse: - 08-01-2011 (10:06)

Nossa Jeh, me emocionei de ler a sua resenha!

Comprei o pocket book desse livro na saraiva, acho que tem menos de uma semana mas não quis furar fila! Você me fez pensar duas vezes e, quem sabe, eu também chore de soluçar rsrs Confesso que sou uma manteiga derretida com livros XD E esse ainda vai ser meu primeiro livro do Nicholas! Acho que escolhi bem, né?

Beijos!

Tamy
bedshapped.blogspot.com

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

@Tamy,

Oi Tammy! Imagine, se você se emocionou com a resenha, imagine com o livro???
o.O

Não sabia que tinha a versão pocket desse livro, que bacana!!!
Escolha um momento que você esteja preparada para chorar muito!!!
xD
E sim, uma boa escolha para começar sua aventura com Nicholas Sparks! ;)

Beijos!
xoxo




Mariana Ribeiro, disse: - 08-01-2011 (11:12)

Que resenha mais linda Jeh!! Senti sua emoção ao ler o livro de tal forma que também quero senti-la!! Adoro livro assim que despertam nossas emoções e sentimentos a ponto de mexer com a gente por um bom tempo. Quero muito ler este livro do Nicholas e todos os demais que ele publicou aqui.
Deste ano não passa! rsrs
Bjos.

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

@Mariana Ribeiro,

Oi Mari!!!
Huhuhuh que bom que gostou!!! Realmente esse livro mexeu muito comigo e ainda não consegui transmitir por palavras o que eu senti com ele!
Super recomendado!!!

Eu tive a oportunidade de ler “Querido John” e “Diário de uma paixão” mas os outros livros são tão bons que a gente quer mais e mais!!!

Beijos!
xoxo




Talita Oliveira, disse: - 08-01-2011 (17:27)

Quero tanto ler esse livro, aliás quero ler todos os livros do Nicholas Sparks.

Se eu nao ganhar na promoção eu vou ter que comprar *-*

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

@Talita Oliveira,

Huhuhuh esse livro é maravilhoso mesmo! Li “Querido John” e “Diário de uma paixão” e ….. nossa, são maravilhosos!!
Também quero ler os outros livros do NS, mas a gente sempre tem que estar com o coração preparado… o.O

Beijos flor!
xoxo




Thais Ortega, disse: - 09-01-2011 (22:42)

Eu adoro esse filme, tem uma história muito importante pra mim. Estava MUITO curiosa para ler o livro, não conheço ainda a escrita do Nicholas.
Depois dessa resenha fascinante, minha curiosidade só aumentou…rs

@thaorteg

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

@Thais Ortega,

*-*
Com certeza você vai AMAR o livro Thais!! Tem muitos detalhes que o filme não conta e muitas cenas também que foram acrescentadas (no filme)!
Com certeza você vai amar!

Nicholas Sparks tem uma narrativa que uma frase que seja, deixa a gente com o coração mole….

Beijos!
xoxo




Caline, disse: - 10-01-2011 (22:07)

Oi Jeh, menina eu fiquei com a respiração suspensa nessa tua resenha. O filme é realmente fantastico, um dos mais lindos que eu ja vi ate hoje. E como por regra os livros sao sempre melhores, esse deve ser mesmo de arrasar.
Voce me fez lembrar das mesmas coisas que senti ao assistir ao filme.
Preciso ler!!!
Xero

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

@Caline,

*-*
Hehehehe sério flor?? Que bom, imagine então com o livro??? Tu fica sem falta de ar!! o.O
Rs, o livro é maravilhoo viu!!! Super recomendo pra ti!
Beijos!
xoxo




Regiane, disse: - 12-01-2011 (11:21)

Ahhhhhhhhhhhh, eu ainda não li, não vi o filme, Olha que vontade louca de pular todos os livros que estão numa pilha para ler Diário de uma Paixão. Culpa disso é você flor, por causa dessa maravilhosa resenha.

Vou ter que me preparar psicologicamente, além de ter que reservar uns lencinhos.

Querido John é o meu livro preferido do Sparks, espero que Diário de uma Paixão seja tão bom quanto, mas tenho quase certeza de que é.

Parabéns pela resenha!!!!

Beijinhos,

Ler e Almejar

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

@Regiane,

Huhuhuhuh, quando puder flor, pule os livros e leia Diário de uma paixão. Você vai se emocionar até!! Muito lindo!
Huahauhauhauhauahuah, culpa minha?? Nãão, eu só estou dando uma forcinha pro livro que já é maravilhoso e que você ia acabar colocando na frente da lista de um jeito ou de outro….
(Eu acho…. :x)

Ah é, se prepare mesmo psicologicamente porque, comigo pelo menos, fiquei do avesso: nostalgia total… :x

Beijos!!
xoxo




Bella, disse: - 24-06-2011 (15:34)

Amei a resenha. Ainda não li o livro, pois a minha lista está um pouquinho grande e meu tempo anda curto. *cry* rsrs Mas tenho certeza que vou amar, pois os livros do Nicholas são surpreendentemente emocionantes. Chorei que nem criança lendo A última música e Querido John. ^^

Ah! Amei seu blog. rs

Bjss

Jeh Asato Jeh Asato, respondeu:

@Bella,

Aaah flor mas tenho certeza que você vai amar! Você tem o livro? Se tiver, vale a pena passar o livro na frente da sua lista! ;)
Eu nem sei por quê demorei tanto pra lê-lo… é muito bom e não vejo a hora de ler as continuações!
*-*

Eu só li Querido John… muito perfeito! Melhor livro que li ano passado! “A Última Música” eu tenho aqui mas ainda não li, parece muito bom mesmo!
Obrigada pelo carinho Bella!

xoxo




@blogdimoca no Instagram!

Di Moça :: Colecionando sonhos e palavras! - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2015 - Ilustração por Juliana Rabelo