categoria15 category image

Revivendo 2014

26 . dezembro . 2014

É extremamente curioso como um ano (365 dias, beibe) podem definir e projetar o seu futuro de forma assustadoramente excitante.
Pois antes do mês de Maio eu tinha certeza de que 2014 seria mais um ano repulsivo e sem expectativas (eu me sentia assim dos pés à cabeça).
Um papel com um baita positivo em negrito mudou toda a minha vida e a partir daí meus dias foram quase todos focados na transformação da minha vida. Ai meu Deus, eu seria mãe em nove meses, como sobreviver a isso? Mas acreditem, eu estou sobrevivendo! E apesar de estar grávida ter sido a revelação mais importante do meu ano outros acontecimentos também marcaram o meu ano e modelaram, de alguma forma, o meu futuro. Acontecimentos bons e ruins, claro, mas hoje quero reviver alguns acontecimentos maravilhosos que mexeram comigo e me revelaram a mulher forte e capaz que sou! Em 2013 também fiz uma retrospectiva (leia aqui) e hoje vejo o quanto caminhei para chegar até aqui.
Listei abaixo alguns fatos que me marcaram mas não estão em ordem cronológica (já é muito eu lembrá-los vividamente, mas lembrar da ordem é exigir demais de mim, rs).

♥ Mais tatuagens

Como sempre me disseram e eu custei a acreditar: depois que você faz sua primeira tatuagem é impossível não querer mais!
Esse ano tive a oportunidade de rabiscar mais três tatuagens no corpitcho e não vejo a hora de fazer mais! O Adham é bem conhecido e prestigiado em Campo Grande, então resolvi conferir na pele o trabalho dele. De forma atenciosa, simpática e gentil ele me tirou todas as dúvidas e até conversamos a respeito da mínha síndrome do pânico (se poderia interferir de algum modo durante o processo).
No dia tudo correu super bem, conversamos sobre diversos assuntos e o Adham é um ótimo profissional. Espero fazer os próximos desenhos com ele e compartilhar com vocês aqui. Aliás, tem post aqui sobre todo o processo e as artes feitas no corpo.

♥ Viagem para Gramado

Meu Deus, só de escrever a palavra Gramado já sinto um apertinho no coração por querer voltar mais vezes! Foram quatro dias de férias que me fizeram me apaixonar pela cidade. Até quis morar para aqueles lados e, quem sabe quando o Lucca estiver maiorzinho, eu realmente não me mude? Uma cidade encantadoramente turística do jeitinho que eu admiro.
Fui com minha mamãe e aproveitamos um pacote pela agência de turismo Vento Sul. Conhecemos vários pontos turísticos como as lojas de Chocolates (que existem aos montes), DreamLand (Museu de Cera e Harley Davidson), Mundo À Vapor, Mini Mundo, Maria Fumaça, Cidade Nova Petrópolis e Snowland (esse arrasou, finalmente pude sentir como era neve).
Há meses atrás fiz um vídeo “diário de viagem” mas não publiquei porque fiquei com vergonha da qualidade e edição do vídeo. Mas pensando bem acho que devo mandar essa vergonha à merda, o que acham? Então compartilho o vídeo com vocês e espero que gostem!

♥ Um ano de Guilherme

Há um ano e onze meses atrás a notícia de que meu irmão seria papai e eu seria titia nos pegou totalmente de surpresa. Não sei por quê mas me ver novamente como tia (já tenho dois sobrinhos de um outro irmão mais velho) me emocionou e me deixou atônita. Será que meu jeito depressivo intereferia algo ou esse bebê estava prestes a mudar minha vida? Dito e feito, crianças são bençãos que vêem ao mundo para alegrar nossos corações e é isso que o Guigui tem feito até hoje. Lamento por não passar mais tempo com ele e ser a tia divertida e brincalhona que eu gostaria de ser mas acredito que, com a chegada do Lucca, nossos laços se estreitarão! Até noite do pijama vai rolar aqui e ai da mamãe do Gui não deixar!
Em Janeiro o Guigui completou um aninho de vida e comemoramos com muita alegria e diversão! Esse dia não pôde passar desapercebido do blog e fiz um post com várias fotinhos dele, vejam aqui! É incrível como nesse tempo ele cresceu tanto. OMG, os dias estão voando e nem ao menos deixam um aviso para a gente se preparar, né? O nosso bebê está quase para completar dois aninhos e é tão esperto, educado e fofo que oro à Deus para que ele seja sempre abençoado!

♥ Evento “Romances de Época Arqueiro” em Campo Grande (MS)

Esse ano tive o prazer em ser convidada pela editora Arqueiro para mediar o evento Romances de Época aqui em Campo Grande (MS). Apesar de eu amar leitura ainda não conhecia os títulos lançados nesse gênero embarquei nessa experiência com unhas e dentes! O evento foi realizado na livraria Le Parole e, infelizmente, choveu muito no dia, atrapalhando os participantes e leitores a prestigiarem o evento. Mesmo assim os que foram me deixaram hiper contente e conversamos muito sobre livros. A editora também enviou alguns mimos para os leitores e no final deu tudo certo. Espero ter outras oportunidades de mediar eventos em Campo Grande!

♥ Um ano Di Moça

No dia 10 de Abril de 2014 comemoramos um ano de blog Di Moça e nem acreditei que passou tão rápido! Não tivemos a maior comemoração de todas e não pude oferecer os melhores sorteios para os leitores mas o carinho que recebi foi revigorante e positivo, o que me deu ânimo para continuar o trabalho aqui no blog!
Se você não conhece a história do Di Moça, é só entrar neste post e aproveitar a leitura!
Também aproveitamos a coluna “Instagram da Semana” para que os leitores compartilhassem através de fotos e imagens o afeto pelo blog. O resultado foi lindo, veja aqui.

♥ Do mundo virtual para a minha realidade

Já estava me acostumando com a ideia de que conheceria os leitores, blogueiros e amigos virtuais apenas em datas e eventos específicos, como a Bienal do Livro. Mas este ano tive o prazer em receber duas lindas aqui em Campo Grande.
A Laudiane é minha amiga fotógrafa super profissional e maravilinda que conheci por causa do blog. Depois de um não longo tempo ela veio fazer um trabalho fotográfico na minha cidade e é claro que eu fui conhecê-la. Ou melhor, ela veio até mim, rs. Quase saiu um ensaio meu mas a vergonha foi maior e quem sabe na próxima, né Lau? Uma mulher incrível que me surpreendeu por ser muito mais do que realmente mostra na Internet! Uma vencedora, guerreira, amiga, mãe e fotógrafa!

A Angélica do blog Rabiscando veio para MS por passagem por causa do Paraguai (ótimo lugar para fazer compras, genteee!). Foi tudo bem rápido e eu só soube da parada dela aqui no mesmo dia, quando ela me ligou enquanto eu saía do trabalho. Nos encontramos no Shopping Campo Grande e tive a oportunidade de conhecer o seu marido também. De quebra levei o Jonathan, pai do Lucca, para socializar e foi um momento incrível! Conversamos sobre aleatoriedades mas os rapazes que dominaram os assuntos na mesa.
Adorei saber que a Angel é carinhosa e afetuosa exatamente como é nos seus vídeos. Impossível se decepcionar com tamanha gentileza e bondade.

♥ Madrinha de casamento

Jamais imaginei, em toda a minha vida, que algum dia poderia ser chamada de madrinha de casamento. Mas este ano tive o privilégio de ser madrinha de uma das melhores pessoas que eu já tive o prazer de conhecer e de chamar de amiga: Vanessa!
Nos conhecemos na faculdade mas só fomos estreitar laços no terceiro ano. Éramos em sete meninas que eu adorava chamar de Jessy & as Gatinhas! Quando terminamos o curso quase morri porque a maioria mora em outra cidade e isso significava (aparentemente) que nosso contato seria menor. Graças a Deus me enganei e, sim, é difícil manter contato como antes mas o carinho que temos uma pela outra é forte o bastante para nos unir em um casamento!
A comemoração foi incrível, em Tangará da Serra (MT) no Salto das Nuvens, com direito a tudo o que você imaginar! Eu confesso que quando vi a noiva caminhando em direção ao noivo fiquei com vontade de casar também. Mas aí na parte da comida eu me esqueci disso e me empaturrei! *-*
O Lucca fez a festa enquanto eu comia e o deliciava com os melhores pratos e sobremesas, uhrul!
OBS: Gente, eu consegui ficar bonita pra valer pelo menos uma vez na vida!

♥ Novos bebezinhos na família

Não bastavam cinco lhasas mas tivemos que adotar mais dois bebezinhos. Somos os loucos dos lhasas e acho que todos os vizinhos ficam loucos com tantos latidos, mas o amor é assim mesmo e, bah, conformem-se. Primeiro adotamos a Mia para ser amiguinha do Lucca (nhóin, vai ser tão lindo vê-lo puxando o rabo dela pra cima e pra baixo) e mais recente o Toni que é puro amor e dengo. Sério, é impossível brigar com ele porque toda vez que ele faz arte, se joga no chão e pede carinho. Agora são sete bebezinhos e, como diz minha mãe, onde cabem sete cabem dezessete! *-*

♥ Um ano no mercado de trabalho

Estive cinco anos afastada do mundo por causa da síndrome do pânico e somente ano passado (Agosto, para ser precisa) consegui me inserir no mercado de trabalho. Achei que esse dia jamais chegaria mas graças ao tratamento psiquiátrico (oi, dr. Adriano!), a paciência-linda da minha família e a fé em Deus esse dia chegou! Sou professora de inglês em uma escola de idiomas (na qual já estudava antes então foi mais fácil entrar como funcionária) e esse ano completei um ano lá! Fiquei super feliz com essa conquista e torço para alcançar muitos outros. Nesse tempo conheci pessoas incríveis e outras nem tanto mas o importante foi estreitar laços fora do ambiente de trabalho.

♥ Nova fase do blog Di Moça

Depois que descobri sobre a gravidez entrei em estado de choque, eu acho. O que sei é que precisava de um tempo só no meu mundo real porque era ele quem iria mudar. Enquanto isso o blog Di Moça ficou em hiatus até eu decidir o que fazer e como lidar com essa nova fase (ou seja, fiquei off por um longo tempo). Mas como o blog sempre foi minha terapia, comecei a sentir falta das postagens e de vocês (nhóin) e essa ausência começou a me correr. Decidi então que o blog precisava de uma nova carinha para representar essa minha nova perspectiva de vida.
Com o trabalho lindo da Juliana Rabelo, Suelen Lima e Cor Seletiva chegamos neste resultado que você acompanha agora! Tudo foi feito com muito amor e você pode conhecer mais sobre as mudanças neste post.

♥ Caixa Postal do blog

Ain, nem acredito que finalmente o Di Moça tem uma Caixa Postal exclusivinha para ele! Demorei muito tempo para criar uma porque, aqui na minha cidade, tinha algumas restrições que me impediam de criar uma. Mas depois de ter sido instigada pela Jess Vieira fui atrás de mais informações sobre esse serviço nos Correios. neste post conto um pouco para vocês como foi todo o processo e como você pode criar a sua!

♥ Parcerias com editoras

Ah não tem como esquecer de agradecer pelas parcerias que o blog manteve mesmo desatualizado. Claro que perdi algumas mas também conquistei outra (oi, Valentina!) e para minha surpresa todas que continuaram com o blog foram atenciosos, pacientes e solícitos ao saberem da gravidez. É verdade que daqui para frente é tudo incerto mas estou com os dedinhos cruzados (meus e do Lucca) para continuar parceira delas. Algumas estão com o Di Moça desde o começo e sou muito grata pela confiança. Um brinde à nossa parceria! \o/

Tenho ou não tenho motivos de sobra para agradecer este 2014 que veio agitar minha vida por completo? Claro que sim! E tenho certeza de que 2015 será muito melhor, afinal de contas, já no comecinho do ano terei meu Lucca nos braços e uma nova etapa se iniciará.
E vocês, conseguem listar os acontecimentos mais gratificantes no ano de vocês? Então compartilhe aqui com a gente para, juntos, ficarmos felizes com tantas bençãos sobre nós!
Um beijo di moça e até ano que vem!

categoria15 category image

Uma chance para o Natal

25 . dezembro . 2014

Eu não tinha certeza se seria uma boa ideia fazer um post no dia do Natal, apesar de parecer inapropriado e falta de atenção com vocês se eu não fizesse. Vejam bem, não é que eu seja uma Christmas hater ou rebelde-sem-causa mas tenho alguns motivos para ver o Natal sob uma ótica mais deprimente.

Não que os desastres tenham acontecido apenas nesta data. Que nada, problemas e tristezas surgem nos dias úteis, 24 horas, sem descanso. Mas algumas situações mais fortes me pegaram de surpresa em vários Natais da minha vida. Juntando tais acontecimentos com as musiquinhas melancólicas que tocam, parece que tudo tem um peso mais melancólico.

Por exemplo, em algum momento da minha infância me contaram, às vesperas de Natal, que meu pai não era meu pai biológico. Consigo sentir o choque desnecessário até hoje. Digo, por que acabar com a minha ideia de família sem necessidade alguma? Depressão natalina número 1.

Não me lembro a ordem mas chegou um momento que meus pais se separaram e meus avós paternos faleceram, um ano seguido do outro. Não foi perto do Natal mas mencionei isso porque comemorávamos o Natal na casa deles. Era como se eles fossem a base das reuniões, dos amigos secretos, da comida típica e, às vezes, da falsidade à meia noite. Depressão natalina 2.

Mais uns anos se passaram e meu namorado – que hoje é pai do Lucca – foi embora da cidade sem se despedir com o objetivo de tratar seus demônios pessoais. Duas vezes. Foram os piores Natais da minha vida. Depressões natalinas 3 e 4.

Não posso me esquecer de que meu avô materno também faleceu pertinho do Natal, desolando a vida da minha mãe e criando um caos na família dela. Logo, na minha vida também. Depressão natalina 5.

Desde então eu gerei em meu coração a ideia de que o Natal não deveria ser comemorado porque seria como um culto a todos esses acontecimentos, do tipo “Ei, hoje faz tantos anos que aconteceu isso, isso e isso”. Aqui em casa já não tínhamos motivo para montar árvores e comprar piscas (nunca tivemos mas eu sempre quis fazer parte dessas famílias que se reúnem para montar árvores de Natal com um sorriso no rosto). Também não fazíamos ceias de Natal e a comida partilhada é a mesma de um final de semana, salvo uma fruta ou um prato típicos. Não esperamos o relógio soar meia noite para nos abraçarmos e desejar Feliz Natal uns aos outros (às vinte e duas horas da véspera eu já estou na cama dormindo ou chorando).
Por mais que eu tente, sempre coloquei em meu coração que o Natal jamais seria uma data realmente comemorativa para mim.

Mas aí, para a minha surpresa, Deus me deu um presente preciosíssimo: o Lucca. E me parece que agora comemorar o Natal faz sentido, não por mim mas por outra pessoa, entendem? Meu bebê ainda não nasceu mas já comemora o seu primeiro Natal dentro da minha barriga. Como eu poderia negar a uma criança que nem nasceu o direito de ter um Natal otimista? É muito egoísmo da minha parte me deitar na cama às dez da noite e chorar feito criança ao relembrar de tantas coisas ruins ao som de musiquinhas depressivas. Se antes eu não tinha ânimo nenhum para ver o Natal como um brinde à Jesus, agora tenho muito a lhe agradecer.

Este ano montei a minha mini-árvore (versão rosa) com piscas de bolinha e a enfeitei pensando no momento em que o Lucca estará ali do meu lado, me ajudando e rindo de tantos enfeites fofos. Esse ano sou agradecida pelos presentes que recebemos com tanto carinho. Fiz planos e sonhei com um próximo Natal em que uma criancinha linda estará à espera do Papai Noel e seus presentes naquela sacolona vermelha. Jonathan vai ter que se empenhar para ganhar uns quilinhos a mais, rs.
E talvez seja errado depositar minhas esperanças em uma criança mas é o jeito que eu vejo e aceito o Natal daqui para a frente.

Por isso, quero dizer a você que já passou por tantas tristezas no Natal, sempre há alguma coisa ou alguém que pode transformar a sua vida, por completo. Às vezes quando menos se espera, e torço para que você abrace essa oportunidade; não deixe o sentimento de vazio natalino tomar conta de você.
Para você que nunca se sentiu confortável ou esperançoso com essa data e que acha tolice montar árvores, dar presentes ou participar de ceias: ninguém vai te fazer mudar de opinião se isso te deixa confortável. Mas se você também queria enxergar e participar de um Natal como ele aparenta ser (harmonioso, apetitoso e cheio de luzes) tente fazer a mudança você mesmo. Afinal de contas, já temos 364 dias à mercê de tantas coisas ruins, por que permitir que o Natal seja mais um se podemos tentar algo inusitado?

Assim, termino este post com um sorriso no coração e com a esperança de que o Natal seja lindo para todos nós. Que cada um possa aproveitá-lo merecidamente e que haja significado no seu dia. Aproveite para fazer aquilo que o ano inteiro não te permitiu e esqueça, pelo menos por um dia, todo o mal que já assolou a sua alma e o seu coração.

É com muito carinho e com uma dacinha de rena-fofa que me despeço de vocês!
Beijos di moça com floquinhos de neve!

categoria15 category image

Mudando o visual

27 . novembro . 2014

Desde que eu decidi cortar os cabelos radicalmente no final do ano passado (veja o post aqui) estou adorando as fases que um cabelo curtinho propicia para a gente. Não vale a pena mantê-lo apenas no corte retinho, a gente tem diversas cartas na manga para ousar durante o crescimento dele. Hoje vim mostrar pra vocês o meu novo visual aproveitando o comprimento que eu tinha até então. Vamos nessa? ;)

Depois de um corte no estilo Joãozinho (que, por sinal, amei!) resolvi deixar os cabelos crescerem. Na verdade foi mais falta de tempo que decisão própria mas não vem ao caso. Achei incrível como meus cabelos cresceram mais rápidos durante a gestação e espero que seja uma vantagem para o infinito e além! *-*. Essa semana fiquei meio enjuriada com a situação trágica de corte de cabelo a qual eu me encontrava e comecei a pesquisar diversos cortes. Primeiro eu tinha me apaixonado pelos cortes mais curtinhos das “japa girls” que eu encontrei no Tumblr. Todos eles tinham franja e eu já tinha me decidido que, no comprimento de cabelo que eu tinha, uma franja faria toda a diferença. Viajei pela Internet horas a fio na madrugada enquanto o sono não vinha e comecei a ficar com muitas dúvidas: será que o corte ficaria bom para o formato do meu rosto? Será que ia armar e ficar uma juba? Seria mais prático ou mais trabalhoso? Durante essas navegadas, uma imagem me levando a outra, e eu encontro esse corte:

Na hora me veio um click e mudei o rumo da minha pesquisa. A partir de então comecei a ver os diversos cortes de cabelo da cantora Rihanna e quase voltei ao meu Joãozinho de antes. Acho lindo e quando cortei o meu era super prático (apesar de exigir reparos na tesoura com mais frequência). Quando achei esse corte no estilo bob para cabelos curtos eu adorei e fui criando algumas ideias. Eu já tinha decidido ter uma franja, agora só precisava decidir o restante do cabelo. Então fui até minha cabeleireira – que cuida dos meus cabelos há anos – e expliquei o que pretendia.
Como o comprimento dos meus cabelos ainda não permitiam um avanço super bacana no corte, conseguimos deixá-lo maiorzinho na frente e um pouco menor atrás. A franja foi feita como eu queria (repicada na tesoura) e a parte de trás também com um leve repicado e levantadinho.
Durante a gravidez achei que meu rosto, principalmente as bochechas, ficaram mais gordinhas, enquanto o resto do corpo continua só o quimba de magreza mas adorei o corte. Estou ou não parecendo uma mamãe de família? *-*

O cabelo foi secado com secadora e chapado no salão mas acredito que ao lavá-lo poderei deixá-lo mais revoltadinho (coisa que adoro!). Também quero enrolar algumas mechas de cabelo para dar um efeito ousado, acho lindo!

É muito gostoso quando temos a chance de mudar o visual para melhor, não é mesmo? Não sei se os homens sentem essa necessidade mas para a mulher faz um bem enorme, como se fôssemos outra e a energia até renova! Acho que agora estou pronta para começar a nova fase mamãe de primeira viagem. Cada fase da minha vida sendo representada por um corte de cabelo! ;)

Apesar de os modelinhos de corte serem mais compridos, o bacana é tentar adaptar de acordo com a textura, comprimento e cor dos seus cabelos! O corte bob tem essa característica super bacana de deixar a parte de trás mais curta que na frente. É um visual meio antigo (a Victoria Beckham adora) mas vale a pena inovar de acordo com sua criatividade!

Quero mandar um super beijo para a Fatinha, minha cabeleireira que arrasa nos cortes do meu cabelo e consegue deixá-los do jeitinho que eu imagino!


Onde cortar:

Fatis Cabeleireira

Av. Mato Grosso, 3915 – Coophafe
Campo Grande – MS
Telefone:(67) 3029-8405

E então, mocinhas e mocinhos, o que acharam do novo visual da mamãe do Lucca? *-* Espero que tenham gostado tanto quanto eu! Se alguém se aventurar neste corte não esqueça de mostrar como ficou o look!
Beijos di moça!

categoria15 category image

O que há de novo?

21 . novembro . 2014

Para quem esperava a reinauguração do Di Moça vai adorar esse post porque está mais que na hora de vocês conhecerem e explorarem os novos recursos, as novas funções e novidades aqui no blog! A empresa Cor Seletiva fez um trabalho minucioso e caprichou nos detalhes do jeitinho que eu sonhava! E, agora, está na hora de vocês usufruirem dessas utilidades!
Vamos lá? *-*

Ok, vocês estão vendo estes três círculos antes de começar os posts? Pois é, são os posts destaques do blog! Os últimos posts publicados. Ao pousar o mouse sobre a imagem você confere a categoria e o título do post. Se quiser acessá-lo é só clicar e voilà! Já no final de todo o post você encontra os mesmos círculos de tamanho menor referentes aos posts relacionados ao que você está lendo. Dessa forma a gente divulga outros posts que possam te interessar!
Todo post começa com uma imagem correspondente à categoria que o mesmo pertence (categorias desenhadas lindamente pela Suelen Lima).

Barra de menu e campo de busca:

Desde o primeiro layout do blog Di Moça (feito também pela Cor Seletiva) a gente oferece esse sistema de barra de menu no topo do layout. O que eu acho super bacana é que o leitor (você, meu amiguinho) pode descer na página do blog que a barra vai seguindo você, facilitando a sua navegação.
Agora incluímos o campo de busca (personalizado) no canto direito superior para ocupar menos espaço no sidebar. E, claro, fica bem mais fácil de localizar e encontrar os posts que você procura.

Seta subir:

A seta subir tem uma função maravilhosa, uma “mão na roda”. Sabe quando você está deslumbrado e super intretido lendo os posts do Di Moça e, quando se dá conta, já está lá no finalzinho da página? Para facilitar sua subida ao topo é só clicar na setinha e ela te leva rapidão lá pra cima. Ou seja, não precisa segurar o botão do mouse na setinha na barra de rolagem, é só contar com a setinha localizada sempre no lado direito da tela.

Novidades por e-mail:

Finalmente o blog conta com as novidades por e-mail, iupi! Pensando exclusivamente em vocês, leitores lindos-e-fofos, instalamos o sistema de Newsletter por e-mail através do Feedburner.
Funciona assim: você digita o seu e-mail no campo localizado no sidebar (lado direito do blog) e um e-mail será enviado para sua caixa de entrada com um link para ativação do serviço. Atenção: caso você não receba o e-mail, confira sua caixa de lixo eletrônico/spam.
Logo após a ativação do serviço através do seu e-mail, prontinho: você receberá as novidades do blog diretamente no seu e-mail, não é demais? \o
Adorei o recurso porque se você estiver no trabalho, com diversos sites bloqueados pela empresa, será notificado por e-mail que tem um novo post no Di Moça e você poderá vê-lo na íntegra quando chegar em casa. Uma forma de não perder por nada as novidades aqui no blog!
Conto com a isncrição de vocês, hein! ;)

Subcategorias:

Para otimizar e diminuir os muitos links no sidebar do blog, acrescentamos subcategorias nos links do menu superior. Ou seja, você pode acessar cada item lá em cima para encontrar subcategorias.

Sobre o blog:

Neste menu você conhecerá por completo sobre o blog, desde o seu surgimento até o momento atual.
Você também vai encontrar subcategorias relacionadas ao blog, como nos submenus abaixo:

Ao clicar em cada submenu você entrará em uma página relacionada ao tema de forma mais organizada!

Colaboradores: Aproveito o momento para contar a novidade de que agora contamos com uma colaboradora aqui no blog: Fernanda Ferrari, mais conhecida como F.F em seus textos! Conheci a Fer no meu trabalho este ano e já somos grandes amigas. Não poderia ter escolhido uma parceria melhor do que esta! A Fer é super fã de Clarice Lispector e vocês perceberão esse detalhe nos seus textos que serão divulgados toda segunda-feira aqui no blog! Para conhecer mais sobre a Fê, clique em Colaboradores. Vamos dar as boas vindas para a Fer? ♥

Parceiros: Depois de muito tempo com a parceria encerrada, o Di Moça voltou com o cadastro de blogs parceiros. Antes de mais nada devo mencionar que a lista de blogs parceiros foi atualizada por diversos motivos: alguns blogs não existem mais (endereço não disponível); outros não acrescentaram ou excluíram o link do Di Moça na lista de parceiros (hum, safadinhos) e até aqueles que restringiram o acesso apenas para convidados (e o Di Moça não tem acesso ao mesmo). Nestes casos os links foram retirados da lista de parceiros.
Os blogs que estiverem interessados em fechar parceria (de verdade) com o Di Moça, por favor leia a política de parceria com muita atenção e envie sua proposta (com seu nome e endereço do blog) no CONTATO.
Você também encontrará as editoras parceiras e autores parceiros do blog!

Favoritos: Sempre tem aqueles blogs que você faz questão de visitar por ser fofo, cheio de personalidade, muitos assuntos interessantes e de boa qualidade, não é mesmo? Nesse submenu você encontrará os blogs que o Di Moça adora visitar e faz questão de comentar quando pode! A maioria deles (ou quase todos eles) não são blogs parceiros do Di Moça, mas os favoritos! ♥

Sorteios: Sabe quando você precisa conferir o resultado dos sorteios em um blog (pra ver se você é o tal sortudo) ou ver a lista de sorteios no ar para participar e torcer bastante? Às vezes a gente tem que percorrer vários posts para chegar onde queremos. Aqui no Di Moça não será necessário, esse submenu reúne em lista todos os sorteios no ar, finalizados e os resultados. Simples assim! Não acredita? Então clica lá e confira! ;)

Anuncie:

Já pensou em anunciar sua empresa, produtos ou marca no blog Di Moça? Pois é, agora você pode! No menu você encontrará o clipping do blog, ou seja, os sites e locais onde o blog já apareceu. Por enquanto está bem pequeno mas espero ter experiências boas para acrescentar na lista. Ao entrar neste link por favor leia as regrinhas para solicitar informações de anúncio no blog! As empresas que anunciaram no blog têm seus links no sidebar na área Publicidade.
O link para anunciar no blog também se encontra no sidebar.

Resenhas:

Além de conferir as resenhas em post em um único link (através das categorias) você pode clicar em Todas as resenhas, logo abaixo das imagens das últimas resenhas e você será levado para a minha estante super organizada. Você poderá selecionar a letra inicial do título do livro e conferir quantas estrelas (ou melhor, corações) que o livro recebeu. Ao clicar nos corações você é redirecionado ao post resenha do mesmo.

Galeria Instagram:

Para fechar o blog, colocamos a galeria de imagens do Instagram lá no footer do blog, ou seja, lá embaixo no finalzinho. As imagens são atualizadas assim que eu posto uma nova foto na minha conta. Super bacana, né? Achei que deu um ar bem personalizado ao blog sem parecer lixo virtual. Ao pousar o mouse sobre a imagem você poderá compartilhá-la pelo Facebook ou Twitter. Adorei essa ideia! O widget utilizado é o SnapWidget.

Bom galera, essas são as mudanças mais importantes que eu notei e precisava divulgar para vocês! Espero que tenham gostado porque foram feitas pensando em cada leitor que visita o Di Moça a fim de facilitar a navegação de vocês por aqui.
Caso tenham tido alguma dúvida ou queiram a explicação de outro item no blog, entre em contato pelo formulário e explicarei com a maior alegria.
Espero contar com a inscrição de vocês na Newsletter e, claro, a visita e comentário de cada um aqui! Obrigada desde já pela atenção e carinho comigo!
Beijos di moça!

@blogdimoca no Instagram!

Di Moça :: Colecionando sonhos e palavras! - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2015 - Ilustração por Juliana Rabelo