categoria10 category image

Ouça: Nostalghia

29 . abril . 2014

Uma das coisas que me motiva a assistir séries/seriados é a trilha sonora. Pois bem, estou acompanhando The Following (Go Ryan Hardy!!) o décimo episódio da segunda temporada quando escuto uma música super linda-de-morrer! Sabe quando a música cai como uma luva na cena e no momento e na categoria da série? Fiquei louca atrás da música! Rodei diversas vezes a mesma cena com a música para o aplicativo SoundHound encontrá-la para mim, mas nada. Estava quase desfalecendo de raiva e ódio quando procurei no Google (em inglês) sobre a trilha sonora da segunda temporada quando um bendito (iluminado seja) deu a resposta! Foi aí que conheci a banda Nostalghia!


Nostalghia é uma banda que atrai fãs do gênero “pós-apocalíptico de punk”. A mistura da batida eletrônica, punk e gypsy punk têm caracterizado as músicas como um estilo íntimo e expansivo. A gente pode comparar a banda com outras mais conhecidas que vão de Nine Inch Nails para Bjork! A banda já é conhecida por seus shows em diversos países e, em 2014, lançou o segundo álbum (Chrysalis) com a participação do produtor Dave Fortman.
A banda é composta por Ciscandra Nostalghia, Roy Gnan e Adele Stein.

Facebook | Site

Durante a pesquisa sobre a trilha sonora dessa série tão instigante, descobri que a música que me deixou extasiada é o cover de Something In The Way, de Nirvana! Putz, ficou perfeito gente!
Já deu pra perceber que eu não ouço Nirvana, né?

Depois disso fui correndo para o Youtube da banda e me apaixonei por diversas músicas. Algumas um pouco mórbidas mas outras couberam certinho na minha playlist!

Yeah, if you disappear
Like some magician with a haunting sneer
You’ll see my face in every broken mirror
Making lines of its own
I think I’m starting to love you too much”

“Nostalghia é uma peça de arte única. Convertem o pop em uma viagem de notas, gritos, susurros, sons eletrônicos, harmônicos e uma voz excêntrica cheia de coração, brindando um ambiente musical dramático e um pouco obscuro.”

Quem não gosta de dar uns gritos não sabe o que é ser feliz! *-*

Não se assustem! Eu ainda sou a mesma menininha doce-e-fofa que vocês “conhecem”! *-*

Se alguém me disser que já conhecia essa banda antes vou ficar muito triste porque ela é boa demais! Compartilhem bandas diferentes e quase não conhecidas aqui nos comentários porque são dessas que eu gosto!
Beijos di moça!

categoria10 category image

Playlist: as minhas preferidas do mês de Abril!

22 . abril . 2014

Que eu sou apaixonada por música já não deve ser uma surpresa pra vocês! Mas eu sempre tenho aqueles momentos em que escuto algumas músicas com mais frequência que outras (se fossem discos de vinil, já estariam arranhados) e, todo mês, vou compartilhar com vocês as músicas que eu mais escutei no mês! \o. Isso não significa, claro, que serão músicas lançamentos, mas as que mais escutei na minha playlist!
Vamos começar com o mês de Abril e as minhas xodozinhas!

Imagine Dragons – Demons

Às vezes eu demoro um tempinho para absorver alguma música recente (a batida, a letra, o ritmo, etc) e só agora fui me apaixonar por Demons da banda Imagine Dragons (que, por coincidência veio ao Lollapalooza e eu não fui -.-‘ #arrependimento).
A música foi dedicada ao Tayler Robinson (1995-2013) quem inspirou a banda com a coragem em luta contra o câncer. A letra é muito bonita e o clip mexe tanto comigo que, às vezes, eu choro igual uma criança. #mejulgue.

“Your eyes, they shine so bright
I want to save their light
I can’t escape this now
Unless you show me how”

Katy Perry – Dark Horse

Que batida gostosa e viciante dessa música da Katy Perry! Demorei um bom tempo para ver o clip mas achei super fofo quando o Boo (aquele cachorrinho peludo e lindo que já tem 11 milhões de curtida no Facebook!) aparece no clip. A letra é bem bacana e pode parecer música de gente que foi mal amada, largada, abandonada e agora quer deixar a próxima “vítima” bem avisada de que, uma vez nas suas mãos, não há volta!

“Make me your Aphrodite
Make me your one and only
Don’t make me your enemy, your enemy, your enemy”

Ellie Goulding – Burn

Ainda no clima de músicas “alegres”, Ellie Goulding me conquistou com a música Burn e eu não consigo parar de ouvi-la quando estou com bom humor (okay, isso é meio raro mas ainda escuto *-*). Vocês já ouviram a música Beating Heart, trilha sonora do filme Divergente? Adorei o clip mas ainda não me acostumei com o ritmo/batida da música. Quem sabe para o mês que vem? 😉

“When the lights turned down
They don’t know what they heard
Strike the match, play it loud
Giving love to the world”

Marisa Monte com Julieta Venegas – Ilusión

Eu confesso que sou bem fraquinha na hora de escolher músicas MPB para minha playlist, mas logo que ouvi (e me apaixonei) pela música Depois da Marisa Monte, me atrevi a procurar outras músicas da cantora e “Ilusión” é uma dessas músicas gostosas de se ouvir em qualquer momento do dia (dirigindo, corrigindo provas, pensando na vida, organizando o quarto, etc). Me apaixonei pela versão com a Julieta Venegas, que também é uma cantora muito talentosa!

“Sei que tudo o que eu queria
Deixei tudo o que eu queria
Porque não me deixei tentar
Vivê-la feliz”

P!nk – Time After Time

Para quem não sabe, P!nk é uma das minhas cantoras revelação/modelo/inspiração. Comecei a “segui-la” desde o CD Missundaztood e é perceptível que a cantora mantém o seu estilo, sem essas frescuras de mudanças radicais nas letras ou nos ritmos das músicas (coisas que aconteceram com diversas cantoras que me decepcionaram nesse quesito, oi Shakira?). Minha última compra foi o DVD Tour Melbourne e é simplesmente PERFEITO! Do começo ao fim cantamos com P!nk as músicas que fizeram sucesso nos CDs anteriores e músicas do lançamento “The Truth About Love” (que também é maravilhoso).
Uma das músicas que a autora se atreveu a cantar durante o show foi Time After Time e, putz, eu amo essa música! Ouço todos os dias antes de dormir e, me julguem novamente, eu sempre choro! A música, originalmente cantada por Cyndi Laupe já foi inspiração para diversas bandas e cantores. Outra versão que é muito linda é na voz de Norah Jones e Emiliana Torrini!

“If you’re lost you can look–and you will find me
Time after time
If you fall I will catch you–I’ll be waiting
Time after time”

Poxa, já sinto falta do meu celular e da minha playlist que eu morro de orgulho! *-*
E vocês, quais músicas foram mais tocadas no mês de vocês? Música é viciante, né? \o.
Beijos di moça!

categoria10 category image

Playlist: músicas para ouvir enquanto “bloga”

04 . março . 2014

Que eu sou apaixonada por música, isso não deveria ser novidade. Mas se você está visitando o blog pela primeira vez (antes de mais nada, seja bem vindo) eu preciso confirmar: sou apaixonada por música. Cada momento da minha vida tem uma música que marcou até os segundos dos meus dias. Não é à toa que o blog Di Moça tem uma coluna especial para compartilhar sobre músicas todas as terças-feiras! *-*

Hoje a playlist é dedicada para os momentos em que sento a bunda na cadeira na minha home office e dedico meu tempo aos posts do Di Moça! Adoro passar meu tempo pensando, planejando e criando os posts com muito carinho para vocês. E, como pano de fundo de tudo isso, sempre tem uma Jessica cantando e até dançando ao som de algumas músicas! Confira algumas das minhas músicas preferidas para o momento de blogar!

Já estou me remexendo e cantarolando com as músicas, é inevitável! *-* Sempre que escuto músicas consigo encontrar alguma inspiração para “blogar” e agradeço aos sons por essa dádiva graciosa!
Quais músicas inspiram vocês na hora de “blogar”?? Compartilhem aqui pelos comentários, é sempre bom conhecer novas músicas!
Beijos di moça!

categoria10 category image

Ouça: melhores cover de Royals (Lorde)!

18 . fevereiro . 2014

Eu devo ser a pessoa mais lerda para ouvir o primeiro hit da cantora Lorde nesse planeta! Sério, só fui prestar atenção na baladinha da música umas semanas atrás quando assisti um vídeo cover da música! Achei super fofa e fui correndo ouvir a versão da própria Lorde. Gostei muito mas não posso deixar de dizer que tem muitos covers no Youtube mandando tão bem quanto! *-*
Que tal conhecer alguns dos melhores covers da música Royals, da cantora Lorde, que eu encontrei? 😉

Ella Yelich-O’Connor nasceu na cidade de Auckland, Nova Zelândia, em 7 de novembro de 1996. Foi criada no subúrbio de Devonport, Auckland ao lado de mais três irmãos, sendo um casal de irmãos mais novos e uma irmã mais velha.
Yelich-O’connor adotou como nome artístico “Lorde”, que foi inspirado na fascinação que ela tinha pela aristocracia e pela realeza. No início, a cantora chegou a ter em mente “Duke” (duque, em português), mas rapidamente descartou por achar a expressão muito masculina. Em seguida, ela escolheu a palavra “Lord” (senhor, em português), que é um título de nobreza do Reino Unido. Mas como todos os lordes britânicos são homens, a artista decidiu pegar a palavra no inglês, Lord, e acrescentar a letra “E” no final, de modo que seu nome fictício ficasse mais feminino, e também porque, para ela, soou e pareceu mais “legal”. Embora a expressão ‘Lord’ também seja vista como “senhor”, Yelich-O’Connor diz que seu nome artístico não possui nada de religioso, e que é apenas uma personagem que ela “pode ligar ou desligar quando está no palco”.

Wikipédia

Facebook | Site

Tanner Patrick Howe (Dallas, Texas – 25 de maio de 1991), conhecido como Tanner Patrick, é um cantor e compositor americano. Ex-vocalista da banda Disco Curtis, Tanner começou a postar vídeos de covers no YouTube em agosto de 2011 e atualmente lançou o seu primeiro single, “Merry Go Round”.

Youtube

Aos 20 anos, Madilyn Bailey decolou como um foguete no YouTube. Em pouco mais de 2 anos, Madilyn conquistou 750.000 assinantes e 100 milhões de visualizações em seus vídeos. O cover da música “Titanium” foi visto 20 milhões de vezes e foi tão alto que ficou em segundo lugar nas paradas do iTunes (EUA).

Youtube

Kina Grannis Kasuya (4 de agosto de 1985) é cantora e compositora americana. Ela é metade japonesa e metade européia. Grannis foi a vencedora do concurso “Doritos Crash the Super Bowl”. Como resultado, ela ganhou um contrato com a gravadora Interscope Records e teve seu vídeo da música tocada durante o comerciais do Super Bowl XLII, em 2008.

Youtube

Nascida no subúrbio de Cleveland (Ohio), Emily mora em Nashville, e escreve e grava por conta própria, às vezes com a colaboração de outros. Suas músicas mostram influências de folk e rock. “Eu escuto de tudo”, diz ela, “e eu escrevo o que vem a mim”.

Youtube

Anna Resende tem 18 anos e já conquistou vários fãs em Campo Grande – MS. Apesar de ser de Curitiba, mora em MS e é estudante de biologia na Universidade Federal do Mato Grosso do Sul. Juntamente com a empresa Dat Movie Produções, a moça manda super bem no cover de Royals!

Youtube

Eu fiquei hiper-mega-contente ao ver uma colega de trabalho cantando Royals e é óbvio que eu vim divulgar né? Adorei a versão da Anna também!
Se vocês têm versões preferidas de Royals, me mandem o link por comentário porque são muitos covers para conhecer, né?
A partir da semana que vem vocês conhecerão melhor cada um desses cantores mencionados no post! 😉
Beijos di moça!

@blogdimoca no Instagram!

:: Di Moça :: Colecionando sonhos! - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2015 - Design por Jeh Asato